Blog 123

COPA DO MUNDO DA RÚSSIA 2018: COMO PLANEJAR A VIAGEM PARA CURTIR O EVENTO

A Rússia é um destino belíssimo e de uma riqueza cultural e histórica inigualável, mas pode admitir que você só começou a cogitar uma visita ao país depois que soube que ele é a sede da Copa do Mundo de 2018… 😉

Brincadeiras à parte, não precisa se sentir mal por isso: é realmente difícil para a maioria dos brasileiros pensar em dar uma passada na Rússia, e inúmeros são os motivos. O principal deles é a barreira da língua, já que o russo não tem a menor semelhança nem com as línguas latinas e nem com o inglês, que é o segundo idioma mais falado no nosso país.

Outras variáveis são o clima, já que a Rússia é um país de inverno muito rigoroso, o custo, uma vez que passagens e hospedagens nesse destino podem estar acima do orçamento de quem se planeja para conhecer a Europa, por exemplo, e a barreira da língua e o custo juntos, que podem fazer a gente se perder ao pedir uma comida em um restaurante ou passar aperto sem grana em algum passeio.

Mas pode se acalmar em todos esses medos, pois todos são transponíveis durante o ano todo e vão ficar ainda mais fáceis de serem contornados durante a Copa do Mundo de 2018, uma época em que o mundo todo estará reunido na Praça Vermelha. Ou seja: se você não estiver entendendo uma só palavra em russo, vai ter diversas outras nacionalidades com quem se juntar para tirar o melhor proveito das férias da sua vida.

Mocow night view. Night panoramic birds eye view of Moscow from Sparrow Hills with festive fireworks in the twilight sky. Night beautiful landscape of Moscow city, Russia

Como planejar a viagem para a Copa do Mundo?

Se o sonho da sua vida é estar em Moscou no dia da grande final, em 15 de julho, seu planejamento de viagem para a Copa deve começar exatamente… agora.

Afinal, o evento começa, oficialmente, no dia 14 de junho, significando que faltam quatro meses para os seus preparativos. Se formos considerar que a Copa do Mundo é um dos maiores eventos desportivos do planeta e que, por isso, desloca centenas de milhares de turistas do mundo para o país-sede, melhor reduzir ainda mais esse tempo de preparação para dois meses. Dessa forma, você terá, em abril, tudo pronto para partir e viver uma experiência única.

Por isso, a primeira coisa que você deve decidir é quais jogos quer assistir no estádio (e conferir se ainda existem ingressos para eles) e quais pretende assistir nas ruas movimentadas das cidades que os recebem.

Aliás, além de Moscou, as opções para ver os jogos da fase de grupos da Copa do Mundo são Ecaterimburgo, São Petersburgo, Rostov do Don (onde o Brasil fará a primeira partida), Samara, Volgogrado, Caliningrado e Níjni Novgorod.

Com a cidade escolhida é hora de fazer as reservas de hotel e pesquisar o deslocamento, tanto de Moscou para ela – já que é bem mais barato descer de avião na capital russa e pegar conexões ou outros tipos de transporte para as cidades menores – quanto de uma para a outra.

Vale lembrar, no entanto, que se o intuito for viajar pela Rússia durante a Copa vai ser necessário juntar um bom dinheiro para os voos, que acabará sendo a melhor opção de deslocamento. Afinal, por mais que ônibus e trens possam fazer as vezes do transporte perfeito em países da Europa, lembre-se de que a Rússia tem um território gigantesco, se assemelhando ao Brasil nas dimensões continentais.

A cidade de Rostov do Don, por exemplo, fica a mais de 1000km de distância de Moscou, totalizando mais de 13 horas de viagem de carro para os aventureiros. Melhor já comprar os voos de ida e volta saindo de Moscou para evitar perder tempo nas estradas.

Então, a princípio, não se esqueça das datas importantes da Copa do Mundo: começa em 14 de junho, termina em 15 de julho e o primeiro jogo do Brasil é contra a Suíça em 17 de junho, um domingo.

Torwart hält Torschuss

Os principais diferenciais da Rússia

A Copa do Mundo no Brasil nos mostrou que o país recebe o evento mas não muda sua essência. Então, prepare-se para algumas informações importantes sobre a Rússia antes de embarcar:

A diferença de fuso horário é de 6 horas para mais na Rússia. Isso significa que, quando lá são sete da noite, aqui é uma da tarde;

15% dos russos falam uma língua estrangeira e, desses, 80% falam inglês. Na Copa do Mundo esse não será um grande problema, já que muitas nacionalidades conseguirão se comunicar nas ruas da cidade;

O hemisfério Norte estará em pleno verão durante a época da Copa do Mundo, mas não pense que você vai conseguir andar de sunga e biquíni pelas ruas da cidade: os termômetros raramente indicam mais de 22 graus nos dias mais quentes;

Apesar de ser um país frio, no verão o clima é menos rigoroso. A média história para junho é de mínima de dez graus – nada mau para um lugar que pode chegar a -67o no inverno…

Compre agora suas passagens para a Copa do Mundo da Rússia e descubra o que de mais diferente esse lindo país tem. Já te avisamos que a bagagem voltará cheia de experiências – e muitas marcas de vodca – que entrarão para a história.

Gostou? Compartilhe:

Comentários