Lugares para comer

Dia Mundial do Veganismo: restaurantes veganos pelo mundo

Comemorado em 1º de novembro, o Dia Mundial do Veganismo foi criado para conscientizar as pessoas sobre o impacto do consumo de produtos de origem animal, incluindo leite e ovos. 

Como celebração, o Conexão123 selecionou os melhores restaurantes veganos pelo mundo! Que tal planejar uma viagem para conhecê-los?

Você vai ler sobre

Qual a diferença entre vegano e vegetariano?

Muitas pessoas se perguntam qual é a diferença entre veganos e vegetarianos e nem imaginam que existem outras classificações. Antes de tudo, é importante esclarecer que o veganismo é um estilo de vida, que vai muito além da alimentação. Pessoas veganas não comem e usam nada de origem ou testado em animais, incluindo roupas, cosméticos, produtos de higiene e limpeza, mel etc.

O vegetariano estrito deixa de fora do prato tudo o que vem dos animais: carne, frango, peixe, ovo e leite. Dentro desse grupo, há os ovolactovegetarianos (que consomem ovo, leite e derivados e vegetais), os lactovegetarianos (leite e derivados e vegetais) e os ovovegetarianos (ovo e vegetais). Como são termos parecidos, é mais usual se identificarem apenas como vegetarianos.

Dia Mundial do Veganismo | Prato vegano | Conexão123

Diferente do vegetariano, o vegano não consome nada de origem animal

Países mais veganos do mundo

O mundo está se “veganizando”, e a ideologia que estimula a preservação de todos os animais, principalmente em relação aos hábitos de consumo alimentar, cresce cada dia mais pelos quatro cantos do planeta.

Segundo o Google Trends, os países que mais tiveram interesse no estilo de vida vegano nos últimos anos foram:

  • 1º lugar: Reino Unido
  • 2º lugar: Austrália
  • 3º lugar: Nova Zelândia
  • 4º lugar: Canadá
  • 5º lugar: Irlanda

Melhores destinos para veganos 

Quem tem alguma restrição alimentar sabe como pode ser difícil encontrar bons restaurantes, principalmente quando  não conhecemos bem o local. Por sorte, diversos destinos estão oferecendo mais opções para os que não consomem alimentos de origem animal, e por preços acessíveis. Veja a seguir quais são os melhores lugares para veganos viajarem.

Destinos veganos: Londres (Inglaterra)

Londres é um paraíso para pessoas veganas. Segundo a plataforma HappyCow, que conta com um guia de estabelecimentos para aqueles que seguem uma dieta 

plant-based (tradução livre para “baseada em plantas”), a capital britânica ultrapassou a marca de 100 restaurantes veganos em 2017. O veganismo por lá é bastante popular: cerca de 5% da população do Reino Unido é vegana, segundo o The Vegan Society.

Foi em Londres que surgiu a primeira loja exclusiva para queijo sem origem animal, a La Fauxmagerie.

Dia Mundial do Veganismo | Londres | Conexão123

O Burger King 100% vegano em Londres, localizado na Leicester Square, faz a alegria dos fãs de hamburguer que não comer proteína animal e seus derivados

Destinos veganos: Bangkok (Tailândia)

O consumo de frutas, verduras e vegetais é muito grande em Bangkok, na Tailândia, e, por isso, é fácil achar opções sem carne. Devido ao budismo, várias pessoas evitam ou não consomem produtos de origem animal. Porém, é importante se certificar de que os pratos não são feitos com caldo de peixe, um ingrediente bem comum por lá e que nem sempre é especificado no cardápio.

 Na cidade, há cerca de 67 restaurantes vegetarianos e 42 veganos.

Destinos veganos: Berlim (Alemanha)

A capital alemã também é um ótimo destino para veganos. Há quase 400 restaurantes que não usam ingredientes de origem animal, e mesmo os que usam costumam ter um cardápio inclusivo. É bem comum ver a palavra “vegan” escrita na porta dos estabelecimentos, evitando surpresas desagradáveis. 

Para quem gosta de explorar, há algumas opções voltadas para a gastronomia alemã, além de locais que servem pizza, hambúrgueres, comidas gourmet etc, tudo sem ingredientes de origem animal.

Dia Mundial do Veganismo | Berlim | Conexão123

Berlim, na Alemanha, é considerada uma das capitais mundiais do veganismo

Destinos veganos: Tel Aviv (Israel)

Israel também é ótimo para quem não come carne. É o país com mais veganos no mundo, de 5% a 8% da população é adepta à essa dieta, e boa parte mora na capital, Tel Aviv. A estimativa é que existam 36 restaurantes que não usam nada de origem animal, com opções de preparos típicos da culinária isralense, mediterrânea e do Oriente Médio.

Melhores restaurantes para veganos pelo mundo

A velocidade com que a indústria de alimentos cria opções veganas e a quantidade de  restaurantes que servem esse tipo de comida indicam que o veganismo está em expansão. Vamos conhecer alguns restaurantes veganos pelo mundo?

Culina Hortus (Lyon, França)

O restaurante Culina Hortus em Lyon, na França, tem cardápio vegano e vegetariano e compromisso com a sustentabilidade. As práticas incluem o uso de ingredientes da estação, a aquisição de mercadorias de produtores locais e realização de compostagem. A culinária criativa e com pratos bem apresentados também são características do estabelecimento.

O menu-degustação custa € 70 (aproximadamente R$ 390) e oferece dez pratos, incluindo entrada e sobremesa. Fica aberto de terça a sábado, das 12h às 15h e das 19h às 23h.

Dia Mundial do Veganismo | Culina Hortus | Conexão123

O restaurante Culina Hortus, na França, tem sofisticados pratos veganos e vegetarianos em seu cardápio

Banana Verde Gourmet (São Paulo)

O cardápio do Banana Verde Gourmet, em São Paulo, tem opções veganas e vegetarianas e prioriza ingredientes frescos, naturais e de cultivo responsável. O estabelecimento oferece entradas, massas, saladas, risotos etc. Há um menu executivo de segunda a sexta, das 12h às 15h30, por R$ 49. Cada dia da semana tem um prato diferente e inclui salada ou sopa.

Dias e horário de funcionamento:

Segunda a sexta: das 12h às 15h

Quinta a sábado: das 19h às 22h30

Sábado e domingo: das 19h às 22h30

E, depois de uma boa comida vegana no Banana Verde, que tal encontrar alguns passeios gratuitos em São Paulo

Vegan Junk Food Bar (Amsterdam, Holanda)

O Vegan Junk Food Bar fica em Amsterdam, na Holanda, e tem um ambiente descolado e moderno. Como o próprio nome sugere, é de culinária vegana e junk food, com hambúrgueres, batatas fritas, nachos e pizza. Os pratos custam entre € 8,50 e € 18,95 (aproximadamente entre R$ 47 e R$ 105).

O horário de funcionamento é de domingo a quinta, das 12h às 23h, e às sextas e sábados, das 12h à 0h.

Dia Mundial do Veganismo | Vegan Junk Food Bar | Conexão123

Vegan Junk Food Bar une o veganismo com autenticidade, sustentabilidade e originalidade, além de servir lanches deliciosos

Funky Pies (Sydney, Austrália)

O Funky Pies, em Sydney, na Austrália, é especializado em tortas, pães e bolos veganos. Há sabores com “bacon”, “salsicha” e “frango” veganos. Também há versões sem glúten. As tortas custam a partir de AUD 6,95 (aproximadamente R$ 26). Abre de segunda a sexta, das 8h30 às 20h30, e aos fins de semana, das 10h às 20h30.

Camaradería Gastrobar (Belo Horizonte)

O Camaradería Gastrobar fica em Belo Horizonte e tem um cardápio exclusivamente vegano, com pratos principais, petiscos e sanduíches. Que tal experimentar um cachorro-quente vegano? Os drinques são caprichados e variados, com os clássicos Sex on the Beach e Margarita, e algumas criações da casa. As refeições custam a partir de R$ 36.

Confira dias e horário de funcionamento:

Segunda a quinta: das 11h às 15h

Sexta e sábado: das 11h às 22h

Domingo: das 11h às 16h30

Gostou desse restaurante vegano? Saiba onde se hospedar em Belo Horizonte e garanta já sua estada para curtir o melhor da cidade mineira. 

Dia Mundial do Veganismo | Camaradería Gastrobar | Conexão123

Camaradería é o primeiro gastrobar 100% vegano de Belo Horizonte

Loving Hut (Londres, Inglaterra)

Loving Hut fica em Londres, na Inglaterra, e faz parte de uma rede internacional de restaurantes veganos. A culinária tem inspiração chinesa e traz versões veganas dos pratos asiáticos. O estabelecimento abre de terça a domingo, das 17h30 às 22h. Os pratos custam a partir de £ 7,90 (aproximadamente R$ 53).

Possui unidades em vários países do mundo, incluindo no Brasil, em São Paulo e Goiânia.

E aí, gostou do nosso conteúdo sobre o Dia Mundial do Veganismo com esses incríveis restaurantes veganos pelo mundo? Conte com a 123milhas para garantir sua passagem aérea para esses países, além de seguro-viagem, hotéis e aluguel de carros!