Colunistas

Frankfurt: um dos principais centros financeiros da Alemanha e Europa

Por Raphael Ursino

Frankfurt, um dos principais centros financeiros da Alemanha e Europa, possui uma paisagem com grandes arranha-céus misturados aos antigos prédios que guardam muita história. A cidade é moderna e possui também um enorme aeroporto que faz conexão com várias cidades do mundo. Apesar de querer mais tempo para conhecer melhor Frankfurt, só tivemos um único dia para explorar esta bela cidade alemã, que promove diversas feiras e festivais durante o ano. A oferta cultural é grande, a exemplo do Museumsuferfest, um festival de arte, gastronomia, artesanato, música que dura três dias em agosto e acontece às margens do rio Meno.

Centro histórico

Passamos a maior parte do nosso dia no centro histórico, que é o cartão postal da cidade. É lá que fica a praça de Römerberg, com suas casinhas típicas de arquitetura enxaimel. O lugar é um convite para admirar as belas construções e comprar souvenirs, além de render belas fotos.

Frankfurt: um dos principais centros financeiros da Alemanha e Europa

Construções no estilo enxaimel no centro histórico

A praça abriga os três prédios da prefeitura. Logo em frente, fica a Fonte da Justiça (Gerechtigkeitsbrunnen), que tem uma estátua em homenagem à deusa Justitia com a balança da justiça na mão e sem a venda nos olhos.

Prédios da Prefeitura de Frankfurt

Prédios da Prefeitura de Frankfurt

Logo ali também fica a Catedral de São Bartolomeu (Kaiserdom), construída em estilo gótico no século XIII. Nessa igreja foram coroados vários reis alemães e imperadores do Sacro Império Romano. Ela possui uma torre de quase 100 metros de altura.

Catedral de São Bartolomeu

Catedral de São Bartolomeu

 

Catedral de São Nicolau

Catedral de São Nicolau

Casa de Goethe

Outra atração interessante, principalmente se você gosta da obra de Johann Wolfgang von Goethe, um dos principais escritores da Alemanha, não pode deixar de visitar a Casa de Goethe, um museu criado na casa onde ele viveu. Além de contar a história do famoso escritor, o local mostra também como era a vida e os costumes da população de Frankfurt no século XVIII. Vale muito uma visita.

Um programa imperdível em Frankfurt é andar despretensiosamente pela orla do rio Meno. O local é bastante frequentado por turistas e também moradores da cidade. Entre uma foto e outra, você vai ver famílias passeando e pessoas fazendo atividade física.

Orla do Rio Meno

Orla do Rio Meno

Eiserner Steg – Ponte dos cadeados

Você vai avistar a famosa ponte dos cadeados, chamada Eiserner Steg. Com 174 metros de extensão, ela é exclusiva para pedestres e liga o centro antigo ao bairro de Sachsenhausen, onde você poderá provar o vinho de maçã em um dos vários restaurantes com mesinhas ao ar livre. Ao atravessar a ponte, você verá milhares de cadeados do amor colocados nas grades.

Eiserner Steg, também conhecida como Ponte dos Cadeados

Eiserner Steg, também conhecida como Ponte dos Cadeados

EuroTower

A EuroTower é um edifício que chama bastante atenção em Frankfurt é a antiga sede do Banco Central Europeu, do alto dos seus 148 metros de altura e 40 andares.

Frankfurt: um dos principais centros financeiros da Alemanha e Europa

A EuroTower possui 148 metros de altura e 40 andares

 

Outras atrações

Se você tiver mais tempo em Frankfurt, minha sugestão é conhecer o jardim botânico Palmengarten, que possui plantas tropicais e subtropicais em estufas e também ao ar livre.

No mercado de Frankfurt (Kleinmarkthalle) você terá a oportunidade de experimentar a famosa Frankfurter würst (a salsicha local com pão e mostarda), além de vinhos e diversos outros pratos da gastronomia alemã.

Está à procura de roupas, sapatos e demais artigos? Você tem que conhecer a Zeil, esta famosa rua no centro de Frankfurt que é o paraíso para quem gosta de compras. Lojas de marca, shoppings e diversos outros tipos de comércio para todos os gostos e bolsos. O local vive cercado de turistas, moradores e artistas de rua, principalmente nos fins de semana.

Saímos de Frankfurt: um dos principais centros financeiros da Alemanha e Europa, e seguimos viagem para outro destino alemão. Eu volto depois para contar, combinado?