Blog 123

VIAGENS PARA PROVAR CHOCOLATES DELICIOSOS

O chocolate é uma das melhores invenções e maiores prazeres da humanidade. Dizem que sua origem faz parte da história do povo asteca, remontando à era pré-colombiana da América Central. Nem sempre ele foi tão doce, como o conhecemos hoje, já que a mistura de amêndoa fermentada e torrada com cacau, sua receita mais primitiva, era consumido como bebida quente e amarga, e só os reis poderiam prová-la. Seu nome era tchocolat.

O que conhecemos hoje é um resultado de anos de aprimoramentos gastronômicos, envolvendo uma dose extra de açúcar, e é cientificamente comprovado que comer chocolate pode causar bem estar. Algo sobre sinapses hormonais que ocorrem quando sentimos seu gosto diferenciado em nossas papilas gustativas.

Mas, melhor do que falar sobre de onde vem, para onde vai e qual é o gosto que o chocolate tem, é comê-lo. E pode ficar feliz, pois o planeta em que você vive está repleto de lugares que fizeram do chocolate seu principal cartão de visitas.

Seja em forma de bebida quente, seja em barras, recheado ou não, o chocolate não é só um luxo de reis. Todos nós, reles mortais, podemos nos deleitar de bons e finos chocolates enquanto viajamos pelo mundo – e isso inclui até os diabéticos e “fitness”, que conseguem encontrar nos mais tradicionais destinos chocólatras as versões certas para seu bel-prazer.

Coloque o babador para não salivar em cima do teclado e vem com a gente conferir o melhor roteiro de chocolates que você pode fazer ainda esse ano. E, se comprar passagens pela 123Milhas, já sabe que vai sobrar um troco bom no orçamento para comprar… adivinha o quê?

Não se esqueça da garrafinha de água para seguir viagem. Você vai precisar depois de tanta doçura.

Suíça

Falar de chocolate sem falar da Suíça é um pouco desrespeitoso, porque os chocolates suíços são considerados os melhores do mundo. É de lá, por exemplo, que vem a Lindt, marca que todo mundo gosta de comprar no freeshop e que, dentro do Brasil, é bem mais cara que as opções populares.

Quando estiver por lá não deixe de passar nas lojas Läderach, uma das marcas mais tradicionais, que respondem à altura seu amor por doces.

Prepare o bolso, principalmente se você for dessas pessoas que não pode ver um chocolate e quer comprar todos. A Läderach tem diversas inovações nas receitas e vai te oferecer inúmeras opções diferentes. Na dúvida, prove uma de cada.

Espanha

Reza a lenda que as expedições espanholas voltaram direto pra casa com a novidade dos astecas e, por isso, a Espanha foi o primeiro país a experimentar o chocolate. Portanto, são mais de 500 anos de descobertas e adaptações à matéria prima que tanto amamos, chamada cacau.

Para saber mais sobre essa história de sucesso – e prová-la, claro –, visite Barcelona, a casa do Museu de La Xocolata, que conta a trajetória do cacau até virar oitava maravilha do mundo. Para degustar, de fato, todo esse conhecimento dos espanhóis, procure pelas lojas especializadas. Alguns chocolatiers famosos, como Antoni Amatller, estão na cidade, e você vai conseguir tirar uma bela casquinha das delícias que ele produz.

Bélgica

Se você passou seus últimos anos nesse planeta já deve ter ouvido a expressão “feito com o melhor chocolate belga”. Se a propaganda for verdadeira, pode comprar, porque o chocolate belga parece ser de outro mundo, de tão gostoso.

Um passeio pelas ruas de Bruxelas vai te deixar cara a cara com inúmeras vitrines irresistíveis de chocolaterias, em que você pode escolher entre barras, bombons, waffles e até bebidas alcoólicas que levam o chocolate como princípio ativo. Nossa dica? Escolher uma delas, pedir um café e deixar o estômago mandar ver nos sabores pedidos.

Se você não tiver problema em misturar sabores, peça, também, uma cerveja, já que a Bélgica joga muito bem nos dois mercados.

Alemanha

Outro lugar que merece sua visita chocólatra é a cidade alemã de Colônia, casa da famosíssima marca Stollwerck. Hoje outras indústrias conseguiram espaço de mercado, mas há alguns anos a Stollwerck era a maior fornecedora de chocolates para os Estados Unidos, o que é uma boa praça de referência.

Em Colônia, além de degustar bastante essa iguaria maravilhosa, visite o museu da marca, chamado Imhoff Stollwerck Museum, que é conhecido como o “museu do chocolate oficial” do mundo. Não que a gente queira aumentar suas expectativas, longe de nós, mas lá dentro tem uma fonte gigantesca de chocolate que faz o visitante achar que está na fábrica de Willy Wonka…

Já deu pra perceber que, pra comer um bom chocolate, melhor ir pra Europa, né? Então conte com a 123Milhas pra fazer essa viagem incrível, sem restrições na balança!

Gold heart falls into hot chocolate
Gostou? Compartilhe:

Comentários