Blog 123

O QUE FAZER EM SÃO PAULO EM UM FERIADO PROLONGADO?

O que fazer em São Paulo em um feriado prolongado

Para aproveitar o feriado muita gente quer mais é fugir do litoral. Sim, às vezes, preferimos metrópoles, bons restaurantes e, quiçá, uma programação cultural das boas. E é exatamente nessa tríade do turismo que São Paulo se sustenta como nenhuma outra capital brasileira: além de ser uma versão de Nova York – pelo menos nos quesitos de ter gente do mundo inteiro e nunca, nunca dormir –, a maior cidade do país tem opções para todos os gostos, bolsos e humor do dia.

Aliás, é bom lembrar que São Paulo é, por seu tamanho e diversidade, uma das principais cidades brasileiras quando o assunto é “programa gratuito”. Tem um montão de coisas para se fazer por lá durante o feriado prolongado sem gastar o orçamento doméstico em apenas uma viagem.

Veja as dicas abaixo e já se programe para passar o 12 de outubro, ou qualquer  outro feriado prolongado do nosso calendário, para conhecer de perto todos os encantos da terra da garoa.

 

O que fazer em São Paulo de graça?

 

#1 Aproveite a vista privilegiada

Quem visita a cidade está sempre acostumado a olhar para cima e ficar perdido entre os arranha-céus da metrópole. Mas e se, pelo menos por algumas horas, a perspectiva se invertesse?

São Paulo tem entrada gratuita para o último andar/terraço de prédios icônicos da cidade, onde o turista pode observar do alto a selva de pedra. Dois deles são:

  • Edifício Copan: Avenida Ipiranga, 200, agendamento pelo telefone (11) 3257-6169
  • Edifício Martinelli: Rua São Bento, 397 a 413, de segunda à sexta, de 9:30 às 11h e de 14:30 às 16h.

Outra boa sugestão é o terraço do Edifício Itália, que possui restaurante e bar. Ele fica na Avenida São Luis, 50 e, passeando por lá, você pode curtir a vista tomando um drinque.

 

#2 Faça um tour a pé

Esse modelo de turismo já é bem difundido na Europa e chegou em São Paulo com tudo: por meio de empresas como São Paulo Free Walking Tour você pode fazer uma visita guiada a pé, pelos principais pontos turísticos da cidade e, ainda, conhecer mais sobre a história paulistana. No fim do passeio, se você sentir que quer contribuir, pode dar ao guia algum valor pelo trabalho, mas não é mandatório.

Essa é uma boa forma de economizar, conhecer e, de quebra, fazer uma boa caminhada.

 

O que fazer em São Paulo pagando pouco?

 

#3 Lanche no Mercado Municipal

É um pecado ir a São Paulo e sair de lá sem comer um pastel com caldo de cana ou um pão com mortadela – duas comidas bem típicas da vida paulistana. Um lugar pra fazer isso com classe é o Mercado Municipal, onde você pode gastar horas passeando sem tirar um centavo do bolso, a menos que queira.

Nesse passeio, sugerimos fortemente o lanche em qualquer um dos bares ou restaurantes do mercado para viver o feriado como um local.

 

#4 Visite parques e museus

Alguns parques e museus da capital paulista são gratuitos – vide o Parque do Ibirapuera, que vira e mexe tem boa programação para os dias de feriado. Mas, além dele, outros lugares que valem a visita pedem bem pouco pelo ingresso. Veja a lista das melhores opções:

  • Pinacoteca (Praça da Luz): de terça a domingo, das 10h às 18h. Aos sábados a entrada é franca; nos outros dias, a entrada inteira custa R$6.
  • Museu de Arte Sacra (Avenida Tiradentes, 676): quarta a sexta, das 9h às 17h, e sábados e domingos, das 10h às 18h. Aos sábados a entrada é franca; nos demais dias, R$6 a inteira;
  • Museu do Futebol (Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho): de terças às sextas, de 9h às 16h, sábados, domingos e feriados, de 10h às 17h. Aos sábados a entrada é gratuita, nos outros dias ela custa R$9 a inteira;
  • Jardim Botânico: aberto todos os dias com preço inteiro do ingresso a R$6.

Outros parques que merecem sua visita e têm entradas gratuitas em qualquer dia de funcionamento são o Parque da Água Branca, o Parque da Independência, o Parque da Aclimação e o Parque Buenos Aires.

 

Onde passear em São Paulo para fazer compras?

 

#5 Rua 25 de março

Não dá pra ir a São Paulo com o objetivo de fazer compras no feriado e não passar pela 25 de Março, a rua mais famosa do Brasil para pechinchas e negociações. Se você passar por lá no feriado de 12 de outubro, aproveite para já fazer o sacolão do Natal, evitando lojas abarrotadas – e preços absurdos – quando dezembro chegar.

Difícil mesmo é sair dessa rua de mãos vazias.

 

#6 Bairro da Liberdade

A Liberdade é um bairro que respira e inspira cultura japonesa. Um de seus principais chamarizes é a quantidade de lojinhas que têm suas ruas. Desde bibelôs até esculturas maravilhosas, é lá que você vai conseguir encontrar o que quer para decorar a sua casa com antiguidades e novidades.

De curiosidade, pare em uma banca e se atente aos jornais vendidos: a maioria está em japonês, e um simples periódico também pode virar uma lembrança de São Paulo.

E você, coloca mais algum item na nossa lista sobre o que fazer em São Paulo nos feriados? Conte para a gente nos comentários ou na página da 123Milhas no Facebook!

Gostou? Compartilhe:

Comentários