Todos

Rotas do Café: destinos para conhecer no Brasil

Em 24 de maio é celebrado o Dia Nacional do Café. Seja coado, expresso ou filtrado, o produto conquista adeptos Brasil afora, afinal, sentir aquele aroma do grão triturado em contato com a água quente dá água na boca, certo? Pensando nisso, o Conexão123 preparou um roteiro turístico para três Rotas do Café no país.

 

Você vai ler sobre

 

História do café no Brasil

O Brasil é um dos maiores consumidores de café no mundo, com média per capita de 4,79 kg (2020), de acordo com pesquisa divulgada pela Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic).

Mas você conhece a história do café? A bebida que conquista adeptos mundo afora chegou ao Brasil através do sargento-mor Francisco de Mello Palheta, após retornar de viagem da Guiana Francesa, em 1727.

Os primeiros cultivos tiveram início em Belém, no Pará, e rapidamente se espalharam por outros estados. A princípio as produções eram focadas apenas para o consumo doméstico, mas a partir de 1837, o café tornou-se o principal produto de exportação do Brasil colônia.

Aliás, as primeiras grandes lavouras para o plantio surgiram na Baixada Fluminense e no Vale do rio Paraíba, nas províncias do Rio de Janeiro e de São Paulo. Atualmente, as principais regiões cafeeiras do país são Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná.

Ao preparar uma xícara de café você está consumindo grãos que podem ser de duas espécies conhecidas: Arábica (Coffea arabica) e Robusta (Coffea canephora). 

Sendo o primeiro natural da Arábia e Etiópia, com sabores mais finos, doces e requintados, aroma intenso, diversos sabores e variações de corpo e acidez. Já a espécie Robusta, cultivada especialmente na África, no Brasil e no Sudeste Asiático tem sabor mais amargo e marcante, ideal para quem aprecia um café mais forte e intenso.

Sabemos que variedades e formas de preparar a bebida são inúmeras. Agora vamos turistar por três Rotas de Café no Brasil, que valem a pena conhecer para planejar sua próxima viagem. 

Três destinos cafeeiros para conhecer no Brasil | Xícara de Café | Conexão123

Destinos cafeeiros em Minas Gerais, Paraná e São Paulo oferecem a oportunidade de conhecer a história do grão e, em alguns lugares, degustação da bebida

 

Rota do café em Minas Gerais

Condições climáticas apropriadas e altitude são essenciais para o plantio de grãos de alta qualidade. Afinal, uma boa xícara da bebida pede muito sabor, certo? A Rota do Café em Minas Gerais engloba as cidades de Carmo de Minas e São Lourenço, localizadas na Serra da Mantiqueira, ao sul do estado. 

São Lourenço é, inclusive, um dos pontos de parada mais buscados pelos turistas. As atrações na cidade incluem visita até a centenária Fazenda Sertão. O lugar produz alguns dos melhores cafés especiais de todo o estado, que inclui o tipo que bateu o recorde de pontuação no disputado Prêmio “Cup of Excellence“.

A época do crescimento das sementes é ideal para a imersão cafeeira na região. Portanto, dois períodos se destacam: de dezembro a fevereiro e de junho a agosto. Além disso, o roteiro é patrocinado pela Unique Cafés, uma cafeteria especializada no preparo de cafés de alta qualidade .

Caminhadas pelos cafezais, vistas deslumbrantes e degustação da bebida garantem o turismo pelo local. E se você gostou da oportunidade de conhecer o sul de Minas e ainda poder visitar plantações de cafés, continue por aqui, ainda temos mais dois destinos para você conhecer!

 

Rota do café no Paraná

Localizado na região sul do Brasil, o estado paranaense tem muito a oferecer ao turismo. A Rota do Café no Paraná está ao norte do território e reserva cerca de 30 atrações em nove cidades diferentes. Isso mesmo! Arrume as malas e embarque para essa maravilhosa aventura cafeeira. 

Ao todo são 200 km de área com fazendas históricas, pousadas, cafeterias, restaurantes e agroindústrias. Entre os meses de maio e agosto é a época da colheita, por isso é o momento ideal para programar seu roteiro. Outra dica é ver onde ir em Londrina, cidade considerada a capital do café e próxima aos atrativos turísticos. 

É possível conhecer mais sobre a produção cafeeira durante o período colonial no Museu Histórico de Londrina. São mais de 40 mil peças que contam a história desse momento marcante para o desenvolvimento do Brasil. O espaço também traz a curiosa ligação da localidade paranaense com a cidade de Londres, na Inglaterra, e como elas se uniram por causa do café.

Desde a degustação à imersão histórica, o viajante poderá conhecer a fundo tudo que envolve o plantio, a colheita e a torrefação do grão. Ainda em Londrina, é possível conhecer a Vinícola Casa Muller, uma das fazendas da região que encanta os visitantes com a variedade de produtos da gastronomia familiar.

Ficou com vontade de viajar? Veja os melhores pacotes de viagem com a 123milhas.

Três destinos cafeeiros para conhecer no Brasil | Plantação de Café | Conexão123

A rota do café no Paraná tem 200 km de opções de lazer e turismo

 

Rota do café em São Paulo

Quem adora aliar viagem e conhecimento, e hoje se considera um coffee lover, pode incluir o estado em seu roteiro. Aliás, o grão foi responsável pela introdução da ferrovia no território, construída para transportar o produto brasileiro destinado à exportação. A região conta com fazendas e atrações de lazer para o turista visitar a Rota do Café em SP. 

Na cidade litorânea de Santos está o Museu do Café, que propicia ao público uma aventura cafeeira pelas exposições permanentes e temporárias, obras de arte, mobiliário de época e muito mais. De terça a domingo, os visitantes podem apreciar a história do café e ainda degustar os melhores grãos da bebida, até mesmo o mais caro e raro do país.

Outro point destinado aos apaixonados pelo café é a Fazenda Vila Rica, em Itatiba, a 90 km de São Paulo. Com arquitetura colonial portuguesa, o local construído no século XIX oferece estrutura com hotel e restaurante, além de organizar passeios pela produção cafeeira. 

A Fazenda Mandaguahy, em Jaú, também pode trazer uma verdadeira imersão. O lugar produz uma variedade de produtos artesanais como queijos, biscoitos, geleias e, claro, muito café. A 300 km da capital paulista, o destino é aberto para visitação e você poderá provar as iguarias enquanto conhece mais sobre o processo de produção. 

O que achou desse breve panorama cafeeiro pelo Brasil? Nosso país reserva muito mais aos viajantes e apreciadores do café! Aproveite e conheça o estado de São Paulo.

Conte com a 123milhas para planejar sua viagem com hotel, passagem aérea e, se quiser comodidade, aluguel de carros!