Blog 123

VACINAS PARA VIAJAR PELO BRASIL E NO EXTERIOR

Vacinas para viajar pelo Brasil e no exterior

Você sabia que as mesmas doenças não existem no mundo todo? Algumas são de uma ou outra região isolada e, outras, de continentes específicos do globo.

A dengue, por exemplo, é uma doença tropical: quem viaja para a América do Sul, África do norte, Austrália e alguns países da Ásia em época de epidemia precisa tomar cuidado com o Aedes Aegypti. Já quem faz o caminho inverso – vai para a Europa ou os Estados Unidos, por exemplo – não precisa se preocupar tanto com esse mal, uma vez que essas regiões estão bem longe de onde a dengue se prolifera.

A boa notícia é que boa parte das epidemias estão contidas, mas é aconselhável que a gente tome todas as medidas possíveis para evitar qualquer mal durante nossa estadia fora de casa. Afinal, a viagem é, geralmente, a trabalho ou a passeio, e passar aperto durante o período, além de correr o risco de voltar com uma doença grave, não é bem o que você espera colocar no seu diário de bordo.

Como se prevenir? A melhor forma é por meio das vacinas.

A dengue, exemplo que a gente deu no início desse texto, ainda não tem sua vacina específica, mas muitos outros males podem ser completamente evitados com uma simples picadinha no braço antes do embarque. Melhor passar por dois segundos de aflição do que várias semanas de cama…

Separamos aqui as principais vacinas para viajar pelo Brasil e as vacinas para tomar quando for ao exterior. Como cada país ou cidade do mundo pode estar passando por uma crise específica de saúde, sugerimos que você se aprofunde nas regras do seu destino procurando a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) ou a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para esclarecimentos mais detalhados.

Contudo, seguindo o cartão de vacinas da 123Milhas, você já vai estar bem preparado para desfrutar de muitas áreas do mundo, ainda que elas tenham algum probleminha com a saúde pública.

 

Vacinas para viajar no Brasil

Por aqui, quem imuniza a população com vacinas é o Ministério da Saúde. Os postos de saúde podem te dar tanto as de necessidade nacional quanto as de recomendação internacional. A grande maioria das vacinas é gratuita.

Antes de subir no avião, veja se o destino final do seu voo doméstico tem alguma vacina especial exigida ou recomendada, e procure postos de saúde na sua cidade avisando que a imunização em questão é para fins de viagem. Não se esqueça de se planejar com antecedência para isso, pois cada vacina pode demorar de dez dias a seis semanas para ter seu efeito imunizador.  

Uma das principais vacinas indicadas para se viajar pelo Brasil com segurança é a da febre amarela, já que esse mal que também pode ser causado pelo Aedes Aegypti, da dengue, que, infelizmente, está presente em muitos pontos do nosso mapa.

Tome a vacina contra a febre amarela especialmente se for viajar para cidades do Acre, Amapá, Amazonas, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.

Apesar da febre amarela ser mais comum nos meses de verão, recomenda-se tomar a vacina para viajar a esses lugares em qualquer época do ano. Embora não seja exigida, ela também é advertida para viagem a países como Paraguai, Uruguai e Argentina.

Outra vacina recomendada para voos domésticos, em especial para as regiões Norte e Nordeste do Brasil, é a da febre tifoide, causada principalmente por condições precárias de saneamento básico. Se for viajar para alguma localidade que não tenha essas condições de saúde, inclua a vacina na sua cartela.

Para completar seu cartão de vacinação e embarcar com toda a calma do mundo, veja se você tem as marcas de outras vacinas muito necessárias – e que precisam estar em dia não só para viajar pelo Brasil mas, também, quando você não for sair do seu estado:

 

  • Hepatites A e B;
  • Poliomielite (paralisia infantil);
  • Difteria;
  • Tétano e Coqueluche;
  • Meningite Meningocócica e outras meningites;
  • HPV;
  • Sarampo;
  • Caxumba;
  • Rubéola;
  • Varicela;
  • Tuberculose;
  • Cólera;
  • Raiva humana.

Outra vacina que indicamos é a que previne a Diarreia do Viajante, doença causada pela ingestão de água e comida contaminadas. O desconforto pode durar de dois a três dias e causar quadros graves, como o de desidratação, além de, claro, atrapalhar todo o passeio.

 

Vacinas para viajar para o exterior

A primeira atitude para ficar em dia com as viagens do exterior é ter o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP), caso o documento seja exigido pelo país a ser visitado. Essa carteira de vacinação internacional pode ser emitida nos Centros de Orientação ao Viajante ao redor do país ou solicitado diretamente no site da Anvisa.

Veja, abaixo, quais são as principais exigências para cada roteiro de viagem:

Hepatite A: tomada apenas uma vez na vida, ela é necessária para alguns países da Ásia, cidades litorâneas e sem saneamento adequado.

Febre amarela: para países da África, além do Brasil, ela necessita ser tomada a cada dez anos.

Raiva: é preciso tomar a vacina contra a doença se você estiver indo para a Índia. A avaliação de necessidade deve ser feita por viagem.  

Febre Tifoide: para países da África e da Ásia, cidades com praia e sem saneamento básico adequado. Tome essa vacina a cada três anos.

Meningite Meningocócica: recomendada para viagens ao sul do Saara (a região é, inclusive, conhecida como “Cinturão da Meningite”) e obrigatória para Meca, na Arábia Saudita. Deve ser tomada a cada três anos.

Poliomelite: altamente indicada para viagens à Índia e ao Paquistão, necessitando de uma avaliação a cada viagem.

 

Ainda tenho dúvidas! Como proceder?

Você pode sanar todas as suas dúvidas sobre vacinas necessárias para viajar no Brasil ou no exterior pelo site da Anvisa, que tem um guia de saúde bem completo para viajantes, ou pelo telefone da agência: 0800 642 9782.

Com o cartão de vacinação em dia e as passagens compradas pela 123Milhas sua viagem tem ainda mais chances de ser tudo aquilo que você sonhou!

 

 

 

Gostou? Compartilhe:

Comentários