Dicas para o viajante

Diferença entre all inclusive, meia-pensão e pensão completa

No momento de escolher a hospedagem, muitas pessoas se deparam com tipos variados e têm dúvidas de qual será a melhor opção. Entender a diferença entre all inclusive, meia-pensão e pensão completa é importante para selecionar a acomodação ideal para a sua viagem, conforme seu roteiro, orçamento e necessidades. 

 

All inclusive

O que significa all inclusive? 

O termo all inclusive, na tradução livre para o português, significa “tudo incluso”. Além das três refeições principais (café da manhã, almoço e jantar), esse sistema contempla bebidas (alcoólicas ou não), lanches, petiscos, sobremesas, cafés, etc. As comidas são servidas ao longo do dia, e os hóspedes podem consumir à vontade. 

Esse sistema é bem comum em resorts, hospedagens que geralmente dispõem de áreas de lazer e entretenimento como piscinas, esportes, praia, recreação infantil e atividades coletivas. Por isso, as pessoas passam boa parte da viagem aproveitando a infraestrutura do hotel. 

Dependendo do pacote ou do estabelecimento, além da alimentação completa durante o dia todo, podem ser oferecidas refeições temáticas e especiais. 

Alguns all inclusive oferecem até pizzas, hambúrgueres e crepes

 

Vantagens do all inclusive

A principal vantagem do hotel all inclusive é a comodidade. Os hóspedes têm uma variada gama de opções de alimentos, que agradam todos os paladares, e o mais prático: basta ir a um restaurante ou a um quiosque para comer. Não é necessário escolher onde se alimentar ou se preocupar se o cardápio deixará toda a família satisfeita. 

Outra vantagem é que o valor já está estabelecido. Você não precisará tirar a carteira do bolso a cada refeição ou quando quiser comprar uma bebida, e também não corre o risco de perder o controle dos gastos. 

 

Meia-pensão

O que é meia-pensão?

No sistema de meia-pensão, o hotel oferece café da manhã e outra refeição – geralmente o jantar. Costuma ser uma boa escolha para turistas que planejam conhecer pontos turísticos e experimentar outros restaurantes. 

 

O que está incluso na meia-pensão?

O padrão da meia-pensão é oferecer o café da manhã com bebidas incluídas como sucos, café, chá e leite. Já na outra refeição, a bebida é cobrada à parte. 

As bebidas estão incluídas, no café da manhã, no sistema de meia-pensão

 

Vantagens da meia-pensão

A meia-pensão oferece uma estadia bem flexível e confortável. Você não precisará se preocupar com duas refeições e pode aproveitar para conhecer restaurantes famosos ou outras opções gastronômicas. É uma boa escolha para turistas que planejam visitar lugares ao longo do dia e retornar à noite ao hotel para jantar. 

 

Pensão completa

O que é pensão completa?

O sistema de pensão completa disponibiliza café da manhã, almoço e jantar. Em alguns casos, também há um café da tarde com bolos e biscoitos. 

O padrão é que as bebidas consumidas no almoço e no jantar sejam pagas à parte, enquanto o café da manhã é completo. Alguns hotéis, porém, podem disponibilizar sucos e refrigerantes. 

Alguns hotéis de pensão completa oferecem café da tarde

 

Qual a diferença entre entre pensão completa e all inclusive?

Enquanto a pensão completa dispõe de três refeições principais, o all inclusive serve lanches, petiscos e outras comidas durante o dia. Bebidas alcoólicas e não alcoólicas também fazem parte do pacote. Em alguns hotéis all inclusive, as bebidas disponíveis no frigobar dos quartos também estão incluídas, mas não é regra. Lembre-se de verificar essa informação ao chegar. 

 

Vantagens da pensão completa

A pensão completa costuma ser uma opção mais econômica, uma vez que os resorts all inclusive têm o preço mais elevado. Com o café da manhã, almoço e jantar garantidos, você poderá ter apenas pequenos gastos com bebidas ou com algum lanche. Confira dicas para planejar viagens gastando pouco. 

Também é uma boa escolha para quem talvez não aproveitaria tanto tudo o que é ofertado no all inclusive. Se sua família não consome bebidas alcoólicas ou têm o hábito de comer pouco, um hotel com pensão completa pode ser mais vantajoso

Além do café da manhã, a pensão completa tem almoço e jantar

 

All inclusive, meia-pensão e pensão completa: o que é melhor?

Para escolher qual é o tipo de hospedagem ideal para sua viagem, é necessário avaliar seus planos e seu orçamento. Não há opção melhor ou pior, e sim a que combina melhor com a sua programação. 

A melhor opção é aquela que combine com sua viagem

 Caso a acomodação seja em um lugar mais afastado e com poucos estabelecimentos ao redor, o ideal é ficar no all inclusive ou na pensão completa; isso porque você não terá que se preocupar com a alimentação. Se o plano for explorar o destino, compensa ficar em meia-pensão, já que você provavelmente fará outra refeição fora do hotel.

Se o orçamento for mais apertado, a pensão completa é a ideal. A meia-pensão também poderá encaixar bem, caso você não gaste muito com refeição fora do hotel. Frequentando restaurantes mais baratos e comprando lanches em supermercados, por exemplo, certamente você terá menos gastos. 

Caso tenha um orçamento maior disponível, vale a pena apostar em um all inclusive. É válido ressaltar que há resorts de preços variados e pacotes diferentes. Ainda que geralmente esses sejam mais caros, não significa que não sejam acessíveis. Com os preços da 123milhas, você pode encontrar um all inclusive que caiba no seu bolso!

Além das ofertas especiais, a 123milhas oferece várias opções de pagamento com boletos à vista, parcelas e Pix. Ah, e não se esqueça de garantir as passagens aéreas pelos melhores preços

Agora que você sabe qual a diferença entre all inclusive, meia-pensão e pensão completa, confira tudo sobre hotéis, hostels, pousadas e outros tipos de hospedagem. Veja também nossa seleção de hospedagens para relaxar