Lugares para comer

Lugares para comer em Bariloche: melhores restaurantes

Uma cidade com cerca de 130 mil habitantes localizada no norte da Patagônia argentina, Bariloche não perde em nada para os mais charmosos destinos europeus. Paisagens alpinas, com lagos azuis entre montanhas cobertas de neve no meio do ano, mas verdíssimas entre a primavera e o outono.   

Bariloche oferece diversas hospedagens e restaurantes para todos os bolsos. A gastronomia de Bariloche é famosa pelo sabor e qualidade, acompanhamentos ideais para uma viagem repleta de emoções.  

Sendo assim, vamos conhecer os lugares para comer em Bariloche?

Você vai ler sobre

Gastronomia em Bariloche 

Bariloche é um local muito procurado por turistas, afinal lá existem várias atrações legais para conhecer. Dá para passar muitos dias por lá, pois Bariloche oferece aos seus visitantes diversos pontos turísticos, o que inclui coisas como esquiar, fazer compras, ir a restaurantes e casas noturnas, andar de teleférico, entre muitos outros.

Quando pensamos em gastronomia, a cidade que fica entre lagos andinos se destaca com carnes de boi, ovelha e cervo. As parrillas, os chorizos e outros tipos de cortes são figurinhas carimbadas na maioria dos restaurantes da região. 

A Patagônia foi exposta à profunda influência de tribos indígenas nativas, em particular, as dos mapuches e araucanos. 

Entre as comidas típicas da cidade, ganham destaque:

  • Curanto – preparado com folhas típicas da região, verduras, legumes e carnes variadas (boi, ovelha, porco, frango etc.), seu cozimento consiste em cavar um buraco de 15 cm no solo, colocar pedras quentes e cobri-las com sacos de estopa. O processo leva um pouco mais de uma hora, para que todos os alimentos adquiram o ponto, a textura e o sabor necessários. 
  • Cordeiro patagônico – muito famoso no território. Se for experimentar, a dica é apreciá-lo da maneira tradicional: inteiro, temperado com sal grosso e assado lentamente em espetos fincados no chão sobre a brasa da lenha, pincelado periodicamente com uma mistura de manteiga, suco de limão e vinho até ficar no ponto.
  • Centolla (King Crab) – considerado um dos crustáceos mais valorizados da gastronomia mundial e um prato típico muito adorado. 
  • Merluza Negra (bacalhau de profundidade) – é um pescado nobre e muito apreciado pela alta gastronomia. Vale experimentar! 
  • Bife de Chorizo – carne macia que tem uma gordura lateral que reforça todo o seu sabor marcante. Um clássico!
  • Medialuna – Um “pãozinho” muito famoso que pode ser servido com recheio doce ou salgado. Lembram muito os famosos croissants e são uma excelente pedida para o café da manhã. Que tal experimentar um desses com uma boa caneca de chocolate quente? 

Além de muitos outros pratos típicos deliciosos, como o doce de leite e o alfajor.

Sendo assim, conheçamos os melhores restaurantes em Bariloche. 

Lugares para comer em Bariloche: comida regional 

Como vimos, Bariloche tem uma gastronomia muito rica. São diversos restaurantes de fondue, com ótimas cartelas de vinhos, da famosa carne argentina e da culinária da Patagônia.

Assim, vamos a alguns dos melhores restaurantes de Bariloche que servem quitutes tradicionais da região. 

El Boliche de Alberto 

O El Boliche de Alberto é um dos melhores lugares para comer em Bariloche. 

Os visitantes que procuram o sabor da cozinha clássica argentina certamente encontrarão no estabelecimento — não apenas os bifes são enormes, mas também são excelentes em qualidade e preço.

As montanhas de batata frita que acompanham as carnes também são características do local.

Sempre há filas antes do restaurante abrir, e logo após a abertura o local fica cheio. El Boliche de Alberto tem uma boa carta de vinhos, e seu design proporciona um ambiente aconchegante e intimista.

Lugares para comer em Bariloche: Comida Regional | Parrilla | Conexão123

Os historiadores acreditam que a origem da cultura / técnica que conhecemos hoje como parrilla começou nas margens do Rio de La Plata, que fica localizado entre a Argentina e o Uruguai | Foto: Divulgação

Por lá, você pode experimentar o bife de chorizo (R$ 97, para duas pessoas); bife de lomo (R$ 107, para duas pessoas); cordeiro (R$ 122, para duas pessoas); assado (R$ 92, para duas pessoas). 

Endereço: Calle Villegas, 347 | San Carlos de Bariloche

Horário de funcionamento: todos os dias, das 12h às 15h e das 20h à 0h

Familia Weiss

Bariloche, em seus primórdios, era um destino popular entre os imigrantes da Europa Central, portanto não é surpreendente que grande parte da arquitetura de Bariloche seja reminiscente dos chalés de esqui alpinos. 

O Familia Weiss ocupa um edifício clássico em estilo de chalé, com um ambiente aconchegante e familiar. O menu é uma combinação de pratos favoritos da Argentina e da Europa Central, como fondue de carne, goulash e batatas à alemã. É um ótimo restaurante para conhecer a história de Bariloche e apreciar sua herança cultural única.

Você vai se surpreender com a tábua de defumados (R$ 215), se deliciar com o tradicional fondue (R$ 190) e até mesmo o famoso cordeiro patagônico (R$ 98). 

Endereço: Vice Almirante O’Connor, 8400, esquina com Palacios – Centro

Horário de funcionamento: todos os dias, das 12h às 15h30 e das 20h às 23h30.

Lugares para comer em Bariloche: comida internacional 

Comer em Bariloche é uma experiência incrível. São diversas opções para apreciar a gastronomia local, mas também é possível saborear outros lugares do mundo. Vamos conhecer dois restaurantes de comida internacional. 

Las Morillas 

Com vista para o Lago Huapi, o Las Morillas tem um ar romântico e pode ser o lugar ideal para um jantar a dois. 

O seu menu apresenta culinária francesa e até mediterrânea. Recomendamos experimentar as almôndegas de cordeiro com cuscuz marroquino e iogurte.

Endereço: Av. Exequiel Butillo, 7690, San Carlos de Bariloche, Río Negro

Horário de funcionamento: terça a sábado, das 19h20 às 23h, e domingo, das 12 às 15h e das 19h20 às 23h

Friends 

Um restaurante bastante diferentão, com diversos brinquedos antigos pendurados no teto que transportam os clientes ao passado. Todos chamam atenção: marionetes, bonecas e trenzinhos. Até um velocípede faz parte dessa decoração lúdica e criativa. 

Lugares para comer em Bariloche: Comidas Internacionais | Empanadas argentinas | Conexão123

A dieta da Espanha medieval incluía pão, legumes e diferentes tipos de carne. Todos esses ingredientes aparecem nas receitas de empanadas tradicionais

No Friends Bariloche, ficar olhando só para cima não vale: o cardápio é variado e inclui empanadas, pizzas e panquecas. Enfim, muita coisa gostosa para ajudar a passar o tempo e ter um momento de descanso.

Endereço: Calle Mitre, 302, Centro 

Horário de funcionamento: todos os dias, das 7h30 à 0h30

Lugares para comer em Bariloche: comida barata 

Aos viajantes que vão levar o planejamento financeiro à risca e estão em busca de economizar durante a viagem para Bariloche, existem opções de restaurantes com comidas deliciosas a preços acessíveis.

Veja agora onde comer barato em Bariloche.

La Fonda del Tio 

Simples, econômico, muito frequentado por habitantes locais e normalmente lotado, o restaurante La Fonda del Tio serve almoço e jantar com pratos fartos, com destaque para a milanesa à napolitana. O cardápio é composto de massas e minutas (pratos rápidos). 

Endereço:  Bartolome Mitre, 1130 – Bariloche

Horário de funcionamento: segunda a sábado, das 12h às 15h30 e das 20h à 0h

Ato El Fuego 

A especialidade desse restaurante são as carnes grelhadas e as sobremesas caseiras. A dica é experimentar o ojo de bife, um corte nobre que corresponde ao miolo do bife de ancho. 

O prato principal mais caro custa 600 pesos argentinos, equivalente a uns 45 reais! Com decoração rústica, o lugar é bastante agradável e com ótimo custo-benefício. 

Endereço: 20 de Febrero, 451, Bariloche

Horário de funcionamento: segunda a domingo, das 12h às 15h e 20h à 0h

Chocolaterias em Bariloche 

Não é segredo que o chocolate de Bariloche se destaca como um dos mais refinados do mundo. Confira 2 chocolaterias deliciosas:

Mamuschka

Na colorida Mamuschka, cujo símbolo é uma matrioska, popular boneca russa, o chocolate é produzido com massa de cacau de fabricação própria. Não se esqueça de pedir o clássico chocolate quente! Localizado na Rua Mitre, 298, esquina com a Rolando. Funciona todos os dias, das 8h30 às 23h30. 

Abuela Goye

Famosa rede de chocolateria simbolizada por uma simpática vovó, a Abuela Goye é uma herança de imigrantes suíços. Ao chegar em Bariloche, no século XIX, a família Goye se estabeleceu em um pequeno povoado que foi posteriormente denominado como “Colonia Suiza” e passou a produzir chocolate incorporando produtos patagônicos à receita original. O que antes era compartilhado apenas com vizinhos e amigos acabou se tornando uma atração turística. Localizada na Av. Félix Goye, 23482, funciona todos os dias, das 11h às 19h.

Você também pode conferir nosso guia de turismo de Bariloche e não perder nada dessa incrível cidade

Curtiu as sugestões dos restaurantes em Bariloche? Conte com a 123milhas para garantir os melhores preços hotéis, pacotes de viagem e seguro de viagem!

                           

RESPOSTAS123

Restaurantes nos principais bairros de Bariloche, mais sofisticados e diferentes, com refeição completa para 2 pessoas (com direito a vinho e sobremesa): em torno de 1776 pesos argentinos (cerca de 120 reais)

Confira os 5 melhores restaurantes para comer em Bariloche:

  • El Boliche de Alberto
  • Alto el Fuego
  • La Fonda del Tio
  • Família Weiss

  • Friends – para quem não resiste a um bom sanduíche, peça o lanche de frango a quatro queijos
  • La Casita Suiza – um fondue gostoso para aquecer no frio!
  • La Parrilla de Julián – Para comer um belíssimo bife de chorizo!