Lugares para conhecer

Aniversário de Gramado: quatro curiosidades sobre a cidade

O aniversário de Gramado é celebrado no dia 15 de dezembro. Um dos destinos mais amados do Brasil, com chalés alpinos, muito chocolate, clima serrano e gastronomia maravilhosa, o município completa 68 anos em 2022. 

A simpática cidade, localizada no Rio Grande do Sul, na Serra Gaúcha, já conquistou o coração de muitos turistas ao longo dos anos. Quer saber mais curiosidades de Gramado? Confira no Conexão123!

Você vai ler sobre

História de Gramado 

O município de Gramado foi criado pela lei 2.522 em 15 de dezembro de 1954, mas vamos voltar um pouco no tempo e conhecer sua história?

No fim do século XIX, o território servia de passagem para tropeiros que tocavam o gado pelos campos de cima da serra. No local, encontrava-se um pequeno campo de grama macia e verde que servia de repouso, e, segundo alguns, foi responsável pelo batismo da cidade.

A região foi colonizada por europeus, inicialmente vindos de Portugal, em 1875, seguidos pelos alemães, cinco anos mais tarde, e ainda por imigrantes italianos, vindos de Caxias do Sul, cidade que faz divisa com Gramado. Ao mesmo tempo que o local desenvolveu as tradições culturais dos ascendentes europeus, a cidade também mistura os aspectos do gauchismo. Tamanha diversidade só torna a cidade ainda mais encantadora, pois o resultado dessas misturas pode ser encontrado, ainda hoje, na culinária variada e na arquitetura do município. 

As belezas naturais que se formam pelas paisagens serranas, com pássaros e outros animais silvestres, além do nevoeiro característico da serra, dão um ar todo especial para esse refúgio. O ar puro e as temperaturas amenas no verão, com ocorrência de neve no inverno, reforçam a vocação gramadense para o turismo. No inverno, a geada cria paisagens inesquecíveis nos pontos turísticos da cidade.

Aniversário de Gramado: quatro curiosidades sobre a cidade | Ruas de Gramado | Conexão123

Gramado encanta não só por seu clima europeu, mas por suas variadas atrações e paisagens exuberantes | Foto: Divulgação

Ao longo destes anos, a cidade desenvolveu uma ampla infraestrutura receptiva, que a colocou no topo dos destinos no Rio Grande do Sul e a Serra Gaúcha entre os três melhores destinos do Brasil. Devido também às influências de seus colonos, hoje Gramado tem vários restaurantes e estabelecimentos onde as culturas alemã e italiana prevalecem.

Conheça quatro curiosidades sobre Gramado 

Vamos agora saber um pouco mais sobre a cidade da Serra Gaúcha? O Conexão123 listou quatro curiosidades sobre Gramado. Confira!

O turismo em Gramado começou com uma pensão, em 1918

Em 1918, no local onde hoje está a central de informações de Gramado, foram abertas as portas do primeiro hotel da cidade. O casal Pierina e Henrique Bertoluci, fundadores do Hotel Bertoluci, mal sabiam que com o hotel viria a paixão e a vocação da cidade pelo turismo.

A primeira hospedagem teve início como uma pensão, que só possuía 2 camas de ferro e outras 2 de lona. Com o crescimento da cidade e a alta demanda de turistas, o hotel ampliou a sua unidade nas décadas de 30 e 40 com a construção de mais três prédios.

Passadas quatro gerações, Jersi e Vitória Bertoluci resolveram, no ano de 1993, estruturar sua casa em uma pousada familiar, hoje conhecida como Hotel Bertoluci

Inaugurado em 1º de dezembro de 2001, composto de apartamentos com uma estrutura moderna, deu-se início à nova era do Hotel Bertoluci, administrado até hoje pela própria família.

Para manter o ótimo atendimento acolhedor e familiar, todos os anos o hotel passa por uma atualização, trazendo mais experiências, conforto e modernidade para os seus hóspedes.

Confira também outros lugares onde se hospedar em Gramado.

Primeiro Café Colonial Brasileiro 

Há quase 50 anos o Bela Vista Café Colonial é considerado referência quando se trata de mesa farta e representação da cultura gastronômica dos imigrantes no Rio Grande do Sul, com suas mais de 80 delícias disponíveis.

Vamos voltar um pouco no tempo e entender como tudo realmente começou? 

O Bela Vista abriu as portas em 1972, considerado o primeiro café colonial do Brasil, servindo a refeição tradicional alemã, repleta de quitutes doces e salgados. Desde então, exibe suas famosas receitas que prestigiam a culinária dos imigrantes com uma pitada do sabor brasileiro. 

A tradição de servir uma mesa farta e saborosa foi liderada por Lira Caliari, a primeira doceira do café colonial. Dona Lira logo se tornaria a proprietária do Bela Vista, e foi lá onde pôde exprimir todo seu talento com receitas que encantam a todos há mais de quatro décadas. 

Com família de origem alemã, Dona Lira elevou a gastronomia de Bela Vista ao patamar de referência internacional que ocupa hoje. Os sabores indescritíveis da torta de amendoim e do apfelstrudel fizeram com que o Bela Vista fosse escolhido como um dos destinos turísticos do best-seller “1000 lugares para Conhecer Antes de Morrer”, da jornalista americana Patricia Schultz, no ano de 2014.

O Bela Vista também foi escolhido como o Melhor Café Colonial da Serra Gaúcha, pela Revista Veja Comer e Beber, em 2018 e 2019.

Muito mais do que um prato ou uma refeição, o café colonial de Gramado pode ser considerado uma sequência de pratos variados que deixam uma mesa farta, principalmente, para ser compartilhado com amigos e familiares.

Viva o sabor dos bons momentos entre mais de 80 delícias, como geleias, tortas, bolos, suco de uva, cuca, queijos, carnes e vinhos coloniais. Viaje no tempo, sinta o aroma e o gosto nostálgico do sabor da infância.

Aniversário de Gramado: quatro curiosidades sobre a cidade | Café Colonial | Conexão123

O Café Colonial Bela Vista fica localizado na Av. das Hortênsias, 3500 – Vila Suiça, em Gramado – RS

Para encerrar o seu passeio por lá, não deixe de subir na torre do Bela Vista, que conta com uma vista privilegiada e incrível para a natureza exuberante. 

Horário de funcionamento: De segunda a sexta, das 11h às 23h. Sábados, domingos e feriados, das 10h às 23h. 

Valor: R$ 99 por pessoa. Crianças até quatro anos não pagam, e de cinco a nove anos pagam metade do preço.

Festival de Cinema 

O Festival de Cinema de Gramado é o maior festival de cinema ininterrupto do Brasil. Em constante reinvenção e transformação, começou como uma mostra realizada nos verões da Festa das Hortênsias, evoluindo para o seu formato atual, idealizado por Horst Volk e Romeu Dutra, em janeiro de 1973.

O evento traz renomados cineastas, grandes estrelas e nomes promissores da produção audiovisual, norteando o cinema gaúcho, brasileiro e latino-americano há cinco décadas.

O Kikito, deus do bom humor, esculpido em bronze e entregue aos vencedores da competição, é seu maior símbolo, acompanhado do disputado tapete vermelho.

Para que você tenha uma ideia da importância desse troféu, existe até uma rua com o seu nome no estado do Rio Grande do Sul e existem estátuas do prêmio em Gramado, no Palácio dos Festivais e no Museu do Festival de Cinema. Atores do quilate de Sônia Braga, Othon Bastos e Reginaldo Faria já receberam a estatueta, além de diretores como Bruno Barreto e Pedro Almodóvar.

O Festival geralmente é realizado na segunda quinzena de agosto, praticamente lotando a região. Na última edição do evento, realizada em 2022, a ocupação dos hotéis de Gramado chegou a 90%, conforme o sindicato do setor. Mais de 300 mil pessoas passaram pela cidade desde o início do festival, segundo autoridades.

Aniversário de Gramado: quatro curiosidades sobre a cidade | Entrada Museu Do Festival de Cinema de Gramado | Conexão123

O Museu do Festival de Cinema de Gramado está localizado na Av. Borges de Medeiros, 2659 – Centro, Gramado | Foto: Divulgação

No ano de 2023, o 51º Festival de Cinema de Gramado ocorrerá entre os dias 11 e 19 de agosto.

Natal Luz

O Natal Luz atrai milhões de visitantes a Gramado todos os anos. Pessoas de todo Brasil vão à cidade conferir a decoração das ruas, os espetáculos ao ar livre e, claro, a iluminação festiva. Mas você sabe como começou esse evento? Fique conosco, que lá vem história!

Até a década de 1980, a Serra Gaúcha não era um polo turístico muito procurado em dezembro. A cidade de Gramado ficava meio vazia depois que passava a temporada de inverno. Porém, as belezas locais mereciam ser vistas e apreciadas no verão. Foi então que a administração da época resolveu criar projetos para atrair mais turistas.

Inspirada em imagens e filmagens de celebrações natalinas na Alemanha, o primeiro Natal Luz contou com uma ambientação mágica: um caminho iluminado para uma procissão que ocorreu na noite de 26 de dezembro de 1986. Nessa data, mais de 700 cantores e 20 Papais Noéis saíram do Lago Joaquina Rita Bier em direção à Igreja Matriz São Pedro. Eles caminhavam e entoavam cânticos natalinos, numa emocionante celebração ao nascimento de Jesus Cristo. O concerto, regido pelo maestro Eleazar de Carvalho, reuniu mais de 5 mil pessoas. 

Aniversário de Gramado: quatro curiosidades sobre a cidade | Decoração Natal Luz | Conexão123

O Natal Luz de Gramado envolve toda a cidade na decoração e na realização de espetáculos que emocionam o público que assiste

O que começou como uma procissão musical transformou-se num dos eventos mais tradicionais do calendário de Gramado. Natal Luz cresceu, abrindo espaço para decorações luxuosas, grandes espetáculos e uma série de atividades paralelas. 

No ano de 2022, o Natal Luz de Gramado já anunciou sua programação completa. O evento acontecerá de 27 de outubro de 2022 a 29 de janeiro de 2023.

E aí, gostou de saber um pouco mais sobre as curiosidades de Gramado? 

Para conhecer esse e outros destinos incríveis do Brasil e do mundo, conte com a 123milhas. Aproveite os melhores descontos em passagens aéreas, hotéis, aluguel de carros e pacotes para sua viagem.