Lugares para comer

Onde comer na Serra do Cipó

Famosa pelas cachoeiras e trilhas, a Serra do Cipó também atrai pela culinária. A comida mineira é motivo de orgulho dos moradores de Minas Gerais e recebe muitos elogios dos visitantes de todo o Brasil e do exterior. Nesse paraíso verde não poderia ser diferente. Confira com a 123Milhas onde comer na Serra do Cipó

O pequeno e charmoso distrito tem vários restaurantes excelentes e que oferecem diferentes experiências gastronômicas. 

 

Pratos típicos

A comida mineira é uma mistura de receitas tradicionais dos povos indígenas, africanos e portugueses. Os pratos são simples e feitos com produtos abundantes na região, como mandioca, milho, leite, tubérculos e folhas. 

Frango com quiabo, arroz e angu é um dos pratos queridinhos, juntamente com feijão tropeiro, tutu de feijão, leitão à pururuca e feijoada. Café, pão de queijo, doce de leite e goiabada cascão também são clássicos. 

 

Panela de Pedra 

Um dos restaurantes mais tradicionais da Serra do Cipó é o Panela de Pedra. O cardápio é bem mineiro e garante aquele frango com quiabo, angu, arroz e feijão feitos no capricho! 

Não deixe de comer frango com quiabo na Serra do Cipó!

Funciona no sistema a la carte e tem pratos a partir de R$64, com quantidade que serve duas pessoas. Para completar as refeições, você pode incluir guarnições, como tropeiro e salada. Delícia!

O famoso pastel de angu está no menu e recebe muitos elogios dos clientes! Os sabores incluem carne, frango, queijo e carne seca. Cada porção custa R$39. 

Para quem gosta de música ao vivo, o Panela de Pedra ganha mais estrelinhas. A casa tem vários shows que entretém os visitantes enquanto aproveitam bons drinks e cervejas geladas. 

O pastel de angu é típico em Minas Gerais.

 

O restaurante fica na MG-010 e abre às sextas, das 17h à meia-noite, aos sábados das 12h à meia-noite e aos domingos, das 12h às 17h. Inclua no seu roteiro! 

 

Filomena Bistrô

É no Filomena Bistrô que você encontra os pratos típicos da culinária mineira em versões contemporâneas e refinadas. A rabada e o frango caipira, por exemplo, são servidos em deliciosos risotos. As combinações arrancam elogios! 

O cardápio de risotos também conta com costela de boi, camarão e polvo. As opções incluem alho trufado, abacaxi com provolone, cogumelos frescos e alho poró com tomate cereja. Difícil de escolher, né?! Os pratos custam a partir de R$68.

A entrada favorita dos clientes, bem a cara da gastronomia mineira, é a linguiça com geleia de pimenta. É de dar água na boca! A porção custa R$65 e vem com pães. 

 

Experimente a linguiça com geleia de pimenta!

O ambiente é rústico e aconchegante. O Filomena Bistrô também fica na MG-010 e abre às quintas das 18h às 22h e às sextas e sábados das 18h à meia-noite. 

 

Tribo do Sol

Desfrute de um delicioso frango caipira no restaurante Tribo do Sol. Os acompanhamentos são os tradicionais quiabo, angu, arroz e feijão. Tem como ser melhor? Os pratos custam a partir de R$60. 

A casa também serve carnes nobres, como picanha, alcatra e bife ancho. Você pode completar sua refeição com feijão tropeiro, torresmo, mandioca frita e linguiça caseira. 

Um dos destaques do lugar vai para a música ao vivo e as cervejas bem geladas! O ambiente é bem descontraído e garante bons momentos na viagem. O Tribo do Sol abre de sexta a domingo, das 11h às 22h. 

 

Emílio Café

Café com pão de queijo é uma dupla infalível em Minas Gerais. Você pode aproveitar essas duas delícias e outras, como bolos, ovos mexidos e tapiocas no Emílio Café

Café combina com pão de queijo!

Quem gosta de pão de queijo recheado ficará bem satisfeito. O cardápio inclui sabores como frango com requeijão, pernil com queijo e doce de leite com queijo. Cada um melhor que o outro! O pão de queijo simples custa R$4 e os recheados a partir de R$9,90. 

O Emílio Café é perfeito para tomar café da manhã ou fazer um lanche à tarde. Fica aberto de quinta a domingo, das 8h às 19h. Não deixe de ir! 

Gostou dos sabores que esperam por você? Que tal planejar logo sua viagem e escolher a melhor hospedagem na Serra do Cipó?!