Tem que ir para Belo Horizonte! - Blog 123Milhas
Tem que ir para Belo Horizonte!

Tem que ir para Belo Horizonte!

02 de setembro de 2021

Anote aí: pelo menos uma vez na vida, tem que ir para Belo Horizonte! E, para te inspirar, trazemos um novo conteúdo sobre a cidade natal da 123Milhas. Queremos que você tenha uma experiência diferenciada, fora do padrão de passeios famosos e que conheça a fundo esta terra acolhedora, hospitaleira e que faz jus ao nome por ter realmente um belo horizonte! 

Chegando à cidade pelo aeroporto de Confins você já faz uma pequena viagem até à capital, passando pelos municípios da região metropolitana e tendo um gostinho das montanhas de Minas e suas belezas.

Independente de onde você estiver hospedado, vamos falar de atrações de fácil acesso e que vão te levar a locais curiosos, além do comum, para deixar sua viagem ainda mais especial.

Veja a cidade de cima no terraço do Edifício Acaiaca

O Edifício Acaiaca foi o primeiro arranha-céu da cidade, com mais de 130 metros de altura, construído em 1947 pelo arquiteto Luiz Pinto Coelho. Sua arquitetura art déco tem como destaque duas carrancas em homenagem à tribo de mesmo nome.

Prepare-se para a viagem de elevador mais rápida que você já fez! Esse elevador percorre os 25 andares do prédio em 20 segundos, garantindo aquele frio na barriga e uma vista incrível do seu terraço no topo desse gigante de concreto.

Recomendamos visitar o local perto do horário do pôr do sol para ver esse espetáculo da natureza com a Serra do Curral ao fundo. A vista contempla todos os prédios icônicos do centro de BH, bem como a Igreja São José e o Parque Municipal de Belo Horizonte. Aproveite para contemplar os elementos arquitetônicos incríveis da década de 40 dentro do próprio prédio.

Uma viagem pelo tempo (e pela gastronomia) na feira de antiguidades e comidas típicas Tom Jobim

Uma tarde de sábado debaixo das gameleiras com mais de 100 anos e regada a MPB é o que você vai encontrar na Feira Tom Jobim. Localizada na Avenida Carandaí, próxima ao centro de Belo Horizonte, ela acontece desde 1983 e mistura os aromas da culinária internacional com as antiguidades. Cada peça tem uma história e descobrir esses “causos” junto aos feirantes é uma experiência única.

São duas feiras distintas que se juntam no mesmo local, possibilitando assim uma variedade de barracas e histórias para contar. Pela manhã, as crianças podem se divertir na área de lazer. À tarde é a vez dos adultos curtirem uma atração musical na sombra das árvores enormes que fazem o cenário para esse local.

Arte de passagem: escadaria da Rua Sapucaí

O centro de Belo Horizonte é palco para várias atrações interessantes. Por ser uma cidade muito boêmia, BH tem um bar a cada esquina. Um desses pontos que você tem que ir se gosta de apreciar uma comida boa e uma cerveja gelada é a Rua Sapucaí. Adorada pelo público jovem da cidade, vários estabelecimentos gastronômicos foram tomando conta dessa rua, dona de uma vista incrível do pôr do sol sobre o centro da cidade.

Mas não é só de bares e comida boa que a Sapucaí sobrevive. Escondido em uma saída da Estação Central do Metrô há um local de passagem que chama a atenção no centro corrido da cidade. Em abril de 2021, o artista mineiro Alexandre Rato juntou-se ao SESI MINAS e à CBTU para criar um mural lindíssimo em homenagem às vítimas da COVID-19 no Brasil.

A intervenção chamada de “Corações para a Cidade” traz corações pintados pelo artista, funcionários do SESI MINAS e pelas milhares de pessoas que passam por esse local todos os dias. Os desenhos são recheados de mensagens de amor e carinho pelas vítimas, tornando-se uma homenagem tocante e grandiosa que ficará na memória de quem passar pelo local. Vale a pena conferir!

Refresque-se na Tradicional Limonada, no Mercado Central de BH

Dentro do tradicional Mercado Central, fundado em 1929 e um dos pontos turísticos que justificam o porquê do “tem que ir para Belo Horizonte”, existe uma lojinha simples mas muito movimentada. A Tradicional Limonada é uma pequena lanchonete de repertório único: limonada geladinha e bolinho de feijão.

Com receita passada de geração para geração, a limonada nasceu despretensiosa, mas ganhou o coração de todo belo-horizontino. O suco é feito sem conservantes e sem produtos industrializados e além da limonada oficial (com ou sem açúcar) você encontra a opção com groselha, mate e até a caipirinha, feita com cachaça Salinas e açúcar demerara.

Você pode comprar sua garrafa personalizada, dar de presente e até levar seu recipiente para pegar só o refil desse suco delicioso. E não se esqueça de experimentar também o famoso bolinho de feijão, que é o acompanhante perfeito para sua tarde de passeio no Mercado Central.

Belo Horizonte é lar de vários restaurantes, bares e museus lindíssimos de se visitar. São inúmeras atrações que farão você se apaixonar por esta cidade que é a metrópole da mineiridade e também a casa da 123Milhas!

Estamos ansiosos para te receber com um cafezinho passado na hora, um queijo delicioso e sempre uma boa história para contar. Então, na primeira oportunidade, já sabe, né? Tem que ir para Belo Horizonte!

Drones

inscreva-se para receber ofertas exclusivas!

inscreva-se para receber ofertas exclusivas!