Lifestyle

Valentine’s Day – Dia Mundial do Amor

Ah, o amor está no ar! O Dia de São Valentim corresponde ao Dia dos Namorados em muitas partes do mundo. Ainda que menos celebrado no Brasil, em fevereiro – por aqui a data é comemorada em 12 de junho -, o clima de romance agita muitos “pombinhos” planeta afora. Neste post, descubra tudo sobre o Valentine’s Day – Dia Mundial do Amor e como o 14 de fevereiro é comemorado em diversos países.

 

Quando é comemorado o Valentine’s Day

O Valentine’s Day é um evento para homenagear quem você ama. Ele é celebrado no dia 14 de fevereiro, o Dia de São Valentim, de acordo com a tradição católica. A festa acontece em vários países, principalmente nos Estados Unidos e na Europa. Mas em território brasileiro ela é pouco celebrada. 

Você já se perguntou por que o Valentine’s Day não é comemorado no Brasil? A data em que a festividade ocorre é um dos principais motivos. Afinal de contas, em fevereiro, temos outro evento muito importante acontecendo: o Carnaval. 

É verdade que o clima libertário das festas carnavalescas não combinam com a ideia de compromissos mais sérios. Mas o Dia de São Valentim é mais do que um “Dia dos Namorados gringo”. Em muitos lugares, a data serve para você demonstrar o seu apreço às pessoas queridas, sejam elas companheiros, amigos, colegas de trabalho e de escola. Portanto, é uma data mais ampla, o Dia Mundial do Amor!

No Brasil, a comemoração acontece no dia 12 de junho de cada ano, oficialmente Dia dos Namorados desde 1948. A data foi criada baseada na proximidade com o Dia do Santo Antônio (13 de junho) – o santo casamenteiro.  

 

Como surgiu o Valentine’s Day

O Dia de São Valentim tem origem no antigo Império Romano. Por volta do ano 270 d.C, o então imperador Claudio II criou uma lei que proibia os soldados de se casarem. Ele acreditava que o matrimônio tornava seus combatentes menos eficientes. 

Porém, no século III, um padre chamado Valentim foi contra essa proibição e começou a realizar os casamentos dos soldados romanos com suas amadas em segredo. Com essa conduta, ele passou a enfrentar o Império Romano.

Ao ser descoberto, Valentim foi preso e condenado à morte. Em sua cela, ele recebeu a visita da filha do carcereiro e os dois acabaram se apaixonando e trocando cartas de amor. 

Em uma delas,  o padre assinava dizendo “De seu Valentim”, frase que é repetida até hoje em declarações pelo mundo. Talvez você já tenha visto na sua tradução para o inglês: “from your Valentine”.

Na época, o Império Romano ocupava boa parte do que hoje conhecemos como Europa Ocidental. Por isso, não é difícil entender porque muitos países comemoram o Valentine’s Day, e essa festa é tão internacional. Conheça, agora, alguns dos lugares em que os apaixonados festejam o Dia de São Valentim em 14 de fevereiro.

 

Quais países comemoram o Valentine’s Day?

Muita gente relaciona o Valentine’s Day aos Estados Unidos, já que a data é um evento superimportante que movimenta muito a economia norte-americana. Mas a comemoração tem origem europeia e são vários os lugares que festejam o amor no dia 14 de fevereiro, cada um do seu jeitinho. 

O costume de prender cadeados em grades e pontes é uma tradição de muitos países para celebrar o Dia dos Namorados.

Além dos EUA, alguns dos países que também celebram o Valentine’s Day são: França, Itália, Dinamarca, Portugal, Espanha, Canadá, África do Sul e Angola. Em Gana, país que é um grande produtor de cacau, a data se transformou, aos poucos, no “Dia do Chocolate”. Na ocasião, os moradores presenteiam os entes queridos com a iguaria. 

Na Ásia, as tradições do Valentine’s Day são relativamente recentes, mas nações como o Japão, Coreia do Sul e Índia incorporaram a festa. 

Dá até para traçar uma meta com seu amor: que tal, a cada ano, comemorar a data em uma cidade diferente do mundo e experimentar como cada cultura vive esse evento? Separamos algumas dicas de lugares para passar o Valentine’s Day ao lado de quem você ama.

Muito além de cidades românticas, nós escolhemos destinos que têm os festejos do Dia dos Namorados como parte de sua cultura, sediando festividades e atividades anuais relacionadas à data. Veja algumas inspirações de onde ir no Valentine’s Day pelo mundo:

 

França

É claro que um dos países mais românticos do mundo não ficaria de fora da nossa lista. A França é um destino clássico para os apaixonados. Você vai encontrar diversas opções de passeios românticos por lá. Cerca de 70% dos franceses comemoram a data, que é exclusiva para celebrações entre casais. 

Em Paris, as ruas, lojas e galerias são enfeitadas. Na região de Provença, o destino contempla paisagens bucólicas para você experimentar ao lado de seu par. Muitos casais passam as festividades nessa área. Mas uma cidadezinha especial, nas proximidades de Indre, é um dos melhores lugares para passar o Valentine’s Day na França.

A vila de St. Valentin recebe esse nome por ter uma relação íntima com a data. Dizem que a primeira pessoa a se inspirar no padre Valentim e assinar uma carta para a amada com a frase “de seu Valentim” foi o Duque de Orleans. Na época, ele estava encarcerado em uma prisão que ficava justamente nessa cidade. 

Assim, St. Valentin se tornou um point de casais que querem celebrar o amor. Eles chamam o local de “a vila dos namorados”. A região recebe turistas apaixonados com o objetivo de renovar os votos, ficarem noivos e até mesmo se casarem. O fluxo de casamento aumenta bastante em fevereiro. 

Por lá, a celebração do Valentine’s Day dura três dias inteiros e costuma ter programação com concertos, shows e uma decoração cheia de flores pela cidade. Os apaixonados podem pendurar seus votos na “Árvore dos Corações”, plantar árvores e enviar cartas de amor.

A Vila dos Namorados fica na região central da França e muitos consideram o destino mais romântico do que Paris.

 

Itália 

Esse é mais um destino icônico para os apaixonados. Você sabe como o dia dos namorados é comemorado na Itália? No país, os amantes aproveitam a data para jantar à luz de velas, passear por parques e jardins e presentear-se. 

Um dos doces que faz parte dessa tradição é a perugina. São pequenos bombons de avelã cobertos por chocolate, que os apaixonados costumam dar uns aos outros no Valentine’s Day.

Passear de gôndola em Veneza ou apreciar as belas paisagens da Toscana são alguns dos passeios românticos mais clássicos. Mas que tal conhecer ainda mais a terra do amor? 

Um dos melhores lugares para passar o Valentine’s Day na Itália é Verona, localizada a cerca de 120 km de Veneza. Esse é o lar de Romeu e Julieta, personagens protagonistas da peça escrita pelo inglês William Shakespeare (1564-1616).  Anualmente, a cidade costuma sediar um festival chamado Verona In Love

Durante quatro dias de muita festa, shows e concertos são apresentados gratuitamente na Piazza dei Signori. Atividades como concursos de escrita de cartas de amor, exibições de filmes românticos e espetáculos de teatro esquentam a programação. 

As opções românticas para os “pombinhos” são visitar um mercado temático com produtos em forma de coração e restaurantes com menus especiais para jantar a dois.

Durante o festival Verona in Love, a cidade monta uma estrutura especial para receber os turistas.

 

Japão

As tradições do Valentine’s Day no Japão chegaram ao país por volta de 1930. Mas lá, diferentemente da maioria dos países ocidentais, não há uma troca recíproca de presentes no dia 14. Na data, as mulheres dão chocolates às pessoas queridas. 

Os homens retribuem a gentileza um mês depois, em 14 de março, o Dia Branco. Os presentes de “volta” costumam ser até três vezes mais caros do que os que eles receberam!

Mas até na hora de dar chocolate existem certas regras no Japão. Os doces mais elaborados de marcas sofisticadas, são os chamados “Honmei-choco” e devem ser oferecidos exclusivamente ao seu amor romântico. As iguarias feitas em casa também entram nessa categoria. Já os “Giri choco” são guloseimas que as mulheres oferecem aos colegas e amigos, como forma de reconhecimento.

Em Tóquio, atividades especiais são preparadas para a comemoração, como feiras de chocolate que duram quase um mês. A torre Tokyo Tower ganha iluminação especial, com tons de rosa e vermelho. A estrutura também recebe muitos namorados, que sobem por suas escadas em busca de uma vista panorâmica da cidade. 

Namorados costumam subir juntos até o topo da Tokyo Tower – o evento tem até nome: Love Step Up.

 

Estados Unidos

Você já se perguntou se o Valentine’s Day é feriado nos Estados Unidos? A resposta é: não. Apesar de ser uma das datas mais importantes do calendário norte-americano, o 14 de fevereiro é um dia de trabalho como qualquer outro para os estadunidenses. Bom, talvez com um clima de romance a mais no ar, já que muitos estabelecimentos são enfeitados de acordo com o tema.

A data é bem comercial nos EUA. Em fevereiro é comum encontrar seções inteiras de lojas dedicadas aos dias dos namorados. Restaurantes cheios, com reservas esgotadas também são bem recorrentes nesta data. 

A maior metrópole do país fica recheada de eventos. São muitas opções de o que fazer em Nova York no Valentine’s Day. O Rio Hudson recebe uma série de cruzeiros de Dia dos Namorados, com refeições românticas e uma vista apaixonante. 

A Times Square ganha uma estátua comemorativa diferente a cada ano. Um concurso cultural elege anualmente uma escultura temática para celebrar a data. Além de avistar o monumento, se você passear pela esquina mais conhecida do mundo no Dia dos Namorados também vai ver um monte de pedidos de casamento surpresa.

Muitos pontos turísticos importantes da “capital do mundo” também organizam eventos especiais relacionados à data. Lugares como o observatório One World, o Museu do Sexo e até mesmo o cemitério Green-Wood têm entradas, festas e tours temáticos nesta época do ano.

Com 125 espelhos dispostos na forma de um coração, a obra “Heart Squared”, de MODU e Eric Forman Studio’s foi a estrela da Times Square no Valentine’s Day de 2020.

 

Guatemala

Sim, os países da América Latina comemoram o Valentine’s Day. Muitas nações adotaram a festa de São Valentim como mais do que apenas o Dia dos Namorados. Pelo continente, celebra-se em 14 de fevereiro o Dia do Amor e da Amizade. Equador, Honduras, México, Peru e Venezuela, por exemplo, têm a comemoração como parte do calendário.

Vamos falar aqui sobre uma tradição muito fofa que acontece anualmente na Guatemala, outro país que celebra o evento. Todo dia 14 de fevereiro é realizado  um grande desfile chamado “Old Love Parade” na Cidade da Guatemala – capital do país. 

Durante a festividade, os cidadãos mais idosos vestem fantasias coloridas e saem pelas ruas para celebrar o amor. Turistas também são bem-vindos para participar do evento.

Além da grande festa, os guatemaltecos compartilham as principais tradições da data. No dia de São Valentim, é comum presentear os amores e amigos com flores, chocolates e cartões.

Na Old Love Parade, os idosos festejam e mostram que o amor não tem idade.

 

Brasil

Tudo bem, é verdade que aqui no Brasil nós não temos a tradição de comemorar o Valentine’s Day como lá na gringa. Mas isso não quer dizer que não podemos aproveitar a data para curtir um programa especial com o nosso amor. 

Afinal de contas, o nosso país é cheio de destinos românticos. Veja algumas ideias de lugares para viajar no Valentine’s Day no Brasil:

  • Monte Verde (MG): Chamada de “suíça brasileira”, Monte Verde foi eleito um dos destinos mais acolhedores do mundo, e é uma cidadezinha excelente para caminhar agarradinho, comer fondue e chocolate quente;
  • Pomerode (SC): Com influências da cultura germânica, Pomerode possui paisagens belíssimas e, em fevereiro, a cidade começa a se preparar para a Osterfest, ficando ainda mais colorida e movimentada;
  • Gramado (RS): Um destino muito popular no inverno, Gramado também é uma boa opção de passeio para casais no Valentine’s Day. Nessa época, os turistas vão encontrar preços e pacotes bem baratos e ainda poderão conferir o festival internacional de música Gramado in Concert, realizado tradicionalmente em fevereiro;
  •  Paraty (RJ): Que tal aproveitar que o Valentine’s Day é no verão brasileiro e curtir uma boa praia? Uma das opções mais românticas é a cidade histórica de Paraty, com sua arquitetura charmosa dividindo espaço com o mar e a mata atlântica.

E aí? Partiu convidar o mozão para uma viagem a dois? A 123milhas tem as melhores opções de voos, hotéis, aluguel de carro, pacotes e muito mais!

A 123milhas oferece as melhores hospedagens em destinos nacionais e internacionais. Planeje a sua próxima viagem com a gente.