Lugares para conhecer

Vitória: curiosidades sobre a capital do Espírito Santo

Vitória, localizada no Espírito Santo, região Sudeste, é uma das três ilhas-capitais do Brasil. Além das paisagens naturais dignas de registros fotográficos belíssimos, o destino também é reduto de importantes monumentos históricos, como a Catedral Metropolitana do século XX e a Capela de Santa Luzia, datada do século XVI. 

O município foi fundado pelos portugueses ao longo do processo de colonização, e a data oficial da sua criação é 8 de setembro de 1551. Portanto, em 2022 a cidade completa 471 anos. Inclusive, uma das curiosidades de Vitória é que quem nasce no município é chamado de vitoriense.

Para celebrar o aniversário de Vitória (ES), o Conexão123 separou peculiaridades sobre a metrópole que atrai turistas de vários cantos do Brasil. 

Você vai ler sobre

Você conhece a origem do nome Vitória?

Foi em 8 de setembro de 1551 que Vitória (ES) foi oficialmente fundada pelos portugueses. Alguns anos antes, após a descoberta do Brasil, em 1500, o rei de Portugal, Dom João III, dividiu o território em capitanias hereditárias. 

A capitania do Espírito Santo ficou com fidalgo Vasco Fernandes Coutinho, que tomou posse da região em 1535. Na época, Coutinho instalou-se próximo ao Morro da Penha, em Vila Velha. 

Mas, afinal, qual a origem do nome Vitória?

Existem duas versões que explicam. A primeira conta que o nome teria surgido em razão de uma luta de Vasco Fernandes e os portugueses contra os indígenas que habitavam a região. Após vencer a batalha, os europeus passaram a chamar de Vila da Vitória. 

A segunda versão aborda que os jesuítas bascos, ao chegarem no lugar, quiseram homenagear Nossa Senhora da Vitória. 

Vitória é uma das três ilhas-capitais do Brasil

Ao lado de São Luís, no Maranhão, e Florianópolis, em Santa Catarina, a cidade de Vitória é uma das três capitais brasileiras localizadas em ilhas do Oceano Atlântico. 

Com extensão territorial de aproximadamente 90 km², o município fica situado em uma ilha de mesmo nome. Aliás, a região é formada por outras ilhas. Conheça três para você visitar quando for ao destino:

  • Ilha do Boi
  • Ilha do Frade
  • Ilha da Pólvora

Vitória é a quarta cidade mais populosa do Espírito Santo, com cerca de 370 mil habitantes, segundo estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas — IBGE (2021). 

Inclusive, o município conta com paisagens naturais de tirar o fôlego e recantos praianos incríveis para curtir o verão, como a Praia de Camburi, a Praia das Castanheiras e a Curva da Jurema. 

Vitória (ES): curiosidades sobre a capital do Espírito Santo | Praia das Castanheiras | Conexão123

A Praia das Castanheiras fica na Ilha do Frade e possui pequenas piscinas naturais | Foto: Divulgação

Vitória abriga o maior bairro do Espírito Santo

Na capital capixaba fica o bairro Jardim Camburi, o maior do estado. Os moradores consideram o local como se fosse uma pequena cidade dentro de Vitória, com tudo que precisam sem ter que ir muito longe. Inclusive, o lugar conta com cerca de 39 mil habitantes, segundo dados divulgados pela Prefeitura de Vitória (2010). 

Parques aconchegantes, a exemplo do Botânico e da Fazendinha, restaurantes para todos os gostos, cinema, shopping, vida noturna e praia: o Jardim Camburi acolhe todos esses lugares em um único ambiente e é carinhosamente chamado de bairro-cidade. 

Além dos espaços de lazer, o local também agrega uma excelente infraestrutura educacional e imobiliária, com creches, escolas, faculdade e residências. O bairro ainda fica perto do aeroporto e da Praia de Camburi. 

Vitória (ES): curiosidades sobre a capital do Espírito Santo | Bairro Jardim Camburi | Conexão123

O Jardim Camburi conta com aproximadamente 39 mil habitantes e é chamado de bairro-cidade | Foto: Divulgação

O artesanato é uma das principais atrações turísticas de Vitória

O artesanato no Espírito Santo tem grande importância, com uma variedade de produções que abrange tecelagem, cerâmicas, fibras, trançados, objetos em coco e madeira, além dos trabalhos em conchas e sementes. A cultura capixaba recebeu influências europeia, indígena e africana, principalmente. 

Em Vitória (ES), o destaque vai para as criações de panelas de barro, feitas com uma metodologia secular que as mulheres da região de Goiabeiras herdaram dos indígenas. A técnica das produções pouco mudou em mais de 400 anos, desde quando eram produzidas nas tribos dos povos originários. 

Anualmente, na capital capixaba, essa tradição é celebrada com a Festa das Paneleiras, que ocorre no segundo semestre de cada ano, desde 1992. O festival conta com shows, apresentações de bandas de congo, comidas típicas e venda de itens artesanais. Inclusive, o público ainda tem a oportunidade de conhecer o Galpão das Paneleiras. 

As artesãs são vinculadas à Associação das Paneleiras, e a maioria delas trabalha no galpão, que tem 32 cabines com bancada, armário e prateleiras. Para fazer as panelas, as criadoras retiram a argila do Vale do Mulembá, localizado no bairro Joana D’Arc, na Ilha de Vitória. 

Já do manguezal que margeia a região de Goiabeiras é extraída a casca da Rhysophora mangle, popularmente chamada de mangue-vermelho. Dessa casca retira-se a tintura impermeabilizante de tanino, na qual são açoitadas as panelas ainda quentes.

A tradição vai além, justamente porque dois pratos típicos da região são feitos e servidos nessas panelas, a moqueca e a torta capixaba.

Vitória (ES): curiosidades sobre a capital do Espírito Santo | Panelas de barro | Conexão123

As panelas de barro são as principais criações de artesanato em Vitória
Foto: Marcio Vianna/Iphan

Geografia de Vitória conta com ilhas, enseadas, encostas, mangues e praias

A cidade capixaba é cercada pela Baía de Vitória e pelos rios Santa Maria, Bubu, Marinho e Aribiri, e sua geografia inclui ilhas, enseadas, encostas, mangues e praias, tornando o turismo pelo destino ainda mais especial. 

Por isso, as paisagens naturais da cidade encantam a todos que a visitam, essencialmente aos turistas que chegam ao local de avião e podem se deslumbrar do alto com cada detalhe. Aliás, sete pontes conectam a Ilha de Vitória ao continente. Incrível, não é mesmo? 

A capital do Espírito Santo é o centro da região metropolitana do estado, que agrega outros seis municípios: Cariacica, Fundão, Guarapari, Serra, Vila Velha e Viana. 

As limitações geográficas de Vitória são: Serra (ao norte), Vila Velha (ao sul), Oceano Atlântico (a leste) e Cariacica (a oeste). 

No verão, as temperaturas variam entre 23 °C e 30 °C, já no inverno, ficam entre 18 °C  e 26 °C. Novembro é o mês com mais chuva. Portanto, se você quer passear num período menos chuvoso, evite viajar nessa época. 

Gostou das curiosidades sobre Vitória? Aproveite para conhecer de pertinho todos os atrativos naturais em uma viagem incrível!

Conte com a 123milhas para garantir as melhores condições de passagens aéreas, hotéis e pacotes de viagem, e curta os encantos de Vitória (ES).