Lugares para conhecer

Parques, praças e praias de água doce: descubra o que fazer em Boa Vista

Entre parques, praças e praias de água doce, a capital de Roraima dispõe de muitos passeios e atividades interessantes. Agora é hora de descobrir o que fazer em Boa Vista!

A distância dos grandes polos urbanos do Brasil, principalmente da Região Sudeste, explica por que hoje a capital é uma das menos visitadas do país. Mas motivos não faltam para fazer turismo em Boa Vista. Cercada pela Floresta Amazônica, a cidade tem estrutura moderna e restaurantes com comidas típicas deliciosas.

Boa Vista fica localizada às margens do Rio Branco, na região da Floresta Amazônica

Boa Vista fica localizada às margens do Rio Branco, na região da Floresta Amazônica

O município está na rota de muitos praticantes do ecoturismo que querem chegar até o Monte Roraima. Esse, sem dúvidas, é um passeio incrível para fazer na região. Mas, se esse for o seu objetivo, considere realizar uma parada de três ou quatro dias na capital do estado para conhecer os seus encantos.

Veja a seguir alguns dos passeios imperdíveis na cidade e seus arredores e descubra de uma vez por todas por que razão conhecer Boa Vista.

 

Parques de Boa Vista

No centro da Floresta Amazônica, Boa Vista é uma capital muito arborizada e que dispõe de diversos parques em sua área urbana. Conheça alguns deles e saiba o que vai encontrar em cada local:

 

Parque do Rio Branco

O Parque do Rio Branco foi nomeado como homenagem ao principal curso fluvial da cidade, às margens do qual ele foi construído. A área foi erguida em 2017 e, desde então, tornou-se um dos principais cartões-postais da cidade.

Vista aérea do colorido Parque do Rio Branco, com a torre do mirante em primeiro plano

Vista aérea do colorido Parque do Rio Branco, com a torre do mirante em primeiro plano

A sua infraestrutura inclui amplo espaço de lazer, setor para prática esportiva, área de bosque, bicicletário, espelho d’água e fontes. Playgrounds para a criançada com brinquedos no formato de animais da Amazônia colorem e deixam o local ainda mais divertido.

Mas a grande estrela do parque é o Mirante Edileuza Loz. A estrutura tem 100 metros de altura e um elevador panorâmico que vai até o topo. Lá de cima, você contempla uma vista de 360º e observa a grandiosidade do Rio Branco e da natureza que cerca a cidade.

O parque está sempre aberto aos visitantes, na altura do nº 236 da Rua Castelo Branco. Já a entrada no Mirante é realizada de quarta a domingo, em horários específicos. Os ingressos são gratuitos, mas devem ser retirados com antecedência pelo site da Prefeitura Municipal.

Pôr do sol observado do Mirante Edileuza Loz no Parque do Rio Branco

Pôr do sol observado do Mirante Edileuza Loz no Parque do Rio Branco

 

Parque Anauá

Com área de 106 hectares, o Parque Anauá é o maior de Boa Vista. O destaque do espaço é o grande lago central, cercado por gramados e pistas de caminhada.

A atração reúne ambientes de recreação para todas as idades. Quadras esportivas, playgrounds e pistas de skate fazem parte de sua estrutura.

Há ainda um anfiteatro, que costuma receber algumas apresentações, e o Forródromo, espaço para shows musicais. Na região também funcionava o Museu Integrado de Roraima, o único museu do estado. Infelizmente, ele se encontra fechado, há dez anos, e sem previsão de reabertura.

O parque fica na Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, bem próximo ao Aeroporto. Está aberto ao público diariamente.

O Parque Anauá tem uma grande lagoa, além de anfiteatro, forródromo e outras estruturas

O Parque Anauá tem uma grande lagoa, além de anfiteatro, forródromo e outras estruturas

 

Bosque dos Papagaios

O Bosque dos Papagaios é uma opção de lazer mais afastada do centro da cidade. O local é, na verdade, uma reserva ecológica e concentra o principal reduto da Floresta Amazônica dentro do perímetro urbano de Boa Vista.

O nome não foi dado à toa: o parque é abrigo de centenas de aves da fauna regional, em especial dos papagaios. A maioria desses animais é resgatada do tráfico, da caça e do abandono. Por isso, além de uma reserva ambiental, o bosque funciona como um verdadeiro santuário animal.

Para observar toda essa biodiversidade, você pode realizar caminhadas pela mata. O parque mantém trilhas no meio das árvores, por onde os visitantes podem se exercitar. O local abre de segunda a sexta, das 8h às 18h, com pausa para almoço, das 12h às 14h. Nos sábados e domingos, o parque funciona das 14h às 18h.

O Bosque dos Papagaios é um parque ecológico localizado ao norte de Boa Vista

O Bosque dos Papagaios é um parque ecológico localizado ao norte de Boa Vista

 

Praças de Boa Vista

A capital de Roraima é uma cidade planejada e, dentro de seu traçado urbano, há praças muito amplas e estruturadas. Conheça as que precisam estar no roteiro da sua viagem a Boa Vista:

 

Complexo Ayrton Senna

Com cerca de dois quilômetros de extensão e as mais variadas opções de lazer, o Complexo Ayrton Senna fica bem perto do Aeroporto e sempre encanta os turistas que chegam de avião na cidade. Sua estrutura dispõe de pistas de corrida e de skate, academias ao ar livre, playgrounds, além de quadras dos mais variados esportes, como futebol, tênis e basquete.

O espaço é uma integração de várias praças da cidade. São elas: a Praça da Cultura, a Praça das Artes, o Portal do Milênio, a Praça das Águas, o Centro de Artesanato Velia Coutinho, a Praça Fábio Paracat, a Praça Ayrton Senna da Silva, a Rotatória da Pirâmide e a Praça Santos Dumont, que funciona como o estacionamento do Aeroporto.

O Complexo fica na Avenida Capitão Ene Garcês e é considerado um importante ponto gastronômico da cidade, reunindo alguns dos melhores restaurantes de Boa Vista.

O letreiro de Boa Vista fica logo em frente à Praça das Águas, no Complexo Ayrton Senna

O letreiro de Boa Vista fica logo em frente à Praça das Águas, no Complexo Ayrton Senna

 

Praça do Centro Cívico

Um dos pontos de destaque do traçado urbano de Boa Vista é a Praça do Centro Cívico, no centro da cidade, cujas ruas que dali partem, em formato semicircular, apresentem um esboço semelhante ao de um leque aberto.

Por sua localização central, a região é uma das mais movimentadas da cidade. A praça abriga o Palácio Senador Hélio Campos, sede do governo estadual de Roraima.

Mas a grande atração da área é o Monumento ao Garimpeiro, uma estátua de sete metros de altura que homenageia os trabalhadores dos garimpos. Ela fica sobre um espelho d’água de mais de sete metros de extensão e é um dos principais pontos turísticos de Boa Vista.

Construído em 1960, o Monumento ao Garimpeiro exibe traços do estilo modernista

Construído em 1960, o Monumento ao Garimpeiro exibe traços do estilo modernista

 

Praias de água doce em Boa Vista

Nos períodos de seca, o nível da água dos rios da cidade costuma baixar. Com isso, surgem nos arredores grandes bancos de areia, que se tornam verdadeiras praias de água doce.

Essas praias são pontos de encontro de moradores e turistas para se refrescarem do calor que costuma fazer em Boa Vista, bem como opções de lazer muito frequentadas pela população. Saiba agora quais são as principais e onde você vai encontrá-las.

 

Praia Grande

A mais famosa dessas praias é a Praia Grande. Ela fica pertinho da Orla Taumanan e do Parque do Rio Branco, porém na outra margem do curso fluvial.

Para chegar até lá, você deve pegar um barco que atravessa o rio. Há diversos pontos de onde essas embarcações partem, mas o mais central é da Orla de Taumanan.

Nessa praia, você encontra água fresca, muito agradável, de grande valor no calor equatorial da cidade. O point conta com quiosques e bares, que oferecem comidas e bebidas. As mesas podem ser colocadas praticamente dentro do rio. E que tal tomar uma gelada com os pés na água? Um programa bem refrescante, não é mesmo?

Barraquinhas na Beira do Rio Branco compõem o cenário da Praia Grande

Barraquinhas na Beira do Rio Branco compõem o cenário da Praia Grande

 

Praias do Rio Cauamé

Se é do tipo que curte paisagens mais naturais e menos urbanas, você precisa conhecer as Praias do Rio Cauamé. Esse curso d’água é um afluente bem menor do Rio Branco e fica um pouco mais afastado do centro de Boa Vista.

O Cauamé faz trajeto sinuoso, entre a floresta e a cidade. Em suas muitas curvas, surgem praias de água doce nos períodos de seca. Elas têm água limpa e são cercadas por muito verde. Ao frequentá-las, você tem a sensação de que está se banhando literalmente no meio da Mata Amazônica.

Dessas, uma das mais frequentadas é a Praia do Caçari. Localizada mais ao leste da cidade, ela dispõe de bares e lanchonetes que servem comidas e bebidas aos visitantes e tem até mesmo conexão de wi-fi. A Praia do Gnomo também fica na mesma região e é outro ponto bem conhecido para se refrescar. Essas praias podem ser mais frequentadas nos fins de semana; então, se o seu objetivo é relaxar e conectar-se com a natureza, pode ser melhor ir durante a semana.

Para quem quer uma opção ainda mais tranquila, recomendamos a Praia do Polar e a Praia do Curupira. Elas são pouco movimentadas e chegam a ficar desertas em alguns dias. Ficam na região norte de Boa Vista.

A Praia do Caçari localiza-se em uma das curvas do Cauamé, afluente do Rio Branco

A Praia do Caçari localiza-se em uma das curvas do Cauamé, afluente do Rio Branco

 

Passeio até o Monte Roraima

O Monte Roraima é um importante destino de turismo ecológico na América do Sul e exibe uma paisagem impressionante. É uma formação rochosa gigantesca, com cerca de 2800 metros de altura, e uma das mais antigas do planeta. Seu aspecto de mesa é bastante característico do Planalto das Guianas.

O Parque Nacional do Monte Roraima engloba três países: Venezuela, Guiana e Brasil. O acesso ao topo se dá pelo lado venezuelano, país que detém a maior parte.

O cume do Monte Roraima tem 90 quilômetros quadrados, o mais extenso do mundo

O cume do Monte Roraima tem 90 quilômetros quadrados, o mais extenso do mundo

Muitos visitantes vão até o monte com o objetivo de acampar, praticar trekking, montanhismo e escalada. A subida até o seu topo leva cerca de três dias. Mas todo esse esforço proporciona cenários belíssimos. Por exemplo, durante o percurso, você certamente vai se deparar com algumas “jacuzzis”, pequenas piscinas naturais de água cristalina, formadas entre as rochas a mais de dois mil metros de altitude.

Piscinas naturais formam-se ao longo da subida para o topo do Monte Roraima

Piscinas naturais formam-se ao longo da subida para o topo do Monte Roraima

Outra atração do cenário da região é o Lago Gladys, que rende belas fotos, e o El Foso, um ponto alagado que fica dentro de uma espécie de cratera, rodeado por cavernas.

El Foso é um dos principais atrativos do Monte Roraima com água própria para banho

El Foso é um dos principais atrativos do Monte Roraima com água própria para banho

Com tantas atividades e passeios, é praticamente impossível realizar a visita ao Parque Nacional do Monte Roraima de bate e volta: há muito a ser visto e um longo caminho para percorrer. Ainda mais porque sua entrada é um pouco afastada de Boa Vista: fica a aproximadamente 250 km da capital, e o percurso de carro demora pouco mais de duas horas.

O ingresso ao local é feito na cidade venezuelana de Santa Elena de Uairén. É necessário contratar guias autorizados para realizar o passeio. Existem muitas opções para quem quer conhecer o Monte Roraima saindo de Boa Vista.

A primeira delas é providenciar uma agência de turismo brasileira que realiza o tour. Os preços podem ser mais salgados, mas já incluem o deslocamento até a Venezuela, as estadias, as entradas e os passeios que você vai realizar.

Você também pode ir de ônibus, carro ou táxi compartilhado, saindo de Boa Vista, até Santa Elena de Uairén. Lá, você pode contratar uma agência de turismo da Venezuela – que geralmente pratica preços um pouco menores. Outra opção é negociar diretamente com os guias locais, que também oferecem seus serviços por lá.

O passeio até o Monte Roraima é um roteiro que exige disposição e um bom condicionamento físico. Mas é, sem dúvida, uma experiência inesquecível.

Só de pensar nesse tanto de atividades bateu a fome aí? Então confira a nossa lista com as melhores opções de restaurantes em Boa Vista. E agende já a sua viagem com a 123milhas!