Dicas para voos de longa duração - Blog 123Milhas
Dicas para voos de longa duração

Dicas para voos de longa duração

22 de novembro de 2021

Com a abertura das fronteiras de diversos países ao redor do mundo, as viagens internacionais estão voltando com tudo! Mas você sabe quais cuidados tomar em uma viagem longa a bordo de um avião? Neste post, confira nossas dicas para voos de longa duração.

Uma viagem com mais de cinco horas de duração já pede cuidados especiais e pequenas atitudes que podem ser benéficas para a saúde física e mental. Esse tempo pode passar tranquilamente ou se tornar um martírio, dependendo do seu perfil de viajante e de como você se preparar para o trajeto. Além disso, temos que nos atentar para os cuidados extras em decorrência da pandemia de Covid-19, que ainda não chegou ao fim.

Para te ajudar, separamos algumas dicas com cuidados para você ter em voos de longa duração.

 

Use sua máscara corretamente e leve mais de uma na bagagem de mão

A realidade da pandemia de Covid-19 demanda esse acessório de segurança. Como em aeroportos e aviões há muita gente em um mesmo espaço fechado, compartilhando o mesmo ar, não existe outra solução que não envolva usar máscaras de boa qualidade e bem ajustadas ao rosto o tempo todo. As mais indicadas, inclusive, são as máscaras do tipo PFF2, que são as mais seguras.

É fundamental retirar a máscara o mínimo de vezes possível, apenas quando for mesmo necessário e pelo menor tempo. É preciso cuidado e atenção constantes, zelando para que intervalos para alimentação e mesmo para beber água sejam sempre rápidos e precisos.

Outro ponto importante é lembrar de levar mais de uma máscara na bolsa ou na mala de mão. A máscara protege com eficiência por um período de até 3 horas. Logo, depois desse tempo você precisa trocá-la. Para isso, leve opções de reserva.

E lembre-se: para evitar transtornos na hora do embarque, opte por máscaras de duas camadas, máscaras cirúrgicas ou as tipo PFF2, todas essas autorizadas nos voos.

 

Escolha os melhores assentos

A viagem começa antes mesmo do embarque. A escolha do assento com antecedência pode evitar alguns transtornos e, muitas vezes, não custa nada a mais.

Primeiro, escolha entre a janela ou corredor. A primeira opção é para aqueles que gostam de encostar a cabeça na “parede”do avião. Contudo, para aqueles que vão muito ao banheiro ou que têm pernas mais longas, o corredor é a melhor escolha.

As primeiras fileiras são as que costumam ter mais espaço, mas geralmente são reservadas para pessoas com necessidades especiais ou mães com bebês de colo, já que no espaço extra pode ser montado um berço. Mas, muitas vezes esses lugares podem ser garantidos com um desembolso pequeno a mais, que vale muito a pena se você quer ter mais conforto.

Evite sempre: os assentos do meio da fileira, os próximos aos banheiros ou à cozinha e, por último, os que não reclinam, que são os da última fileira ou aqueles que ficam na frente das saídas de emergência.

E não custa nada perguntar quanto custa um upgrade para a classe executiva. Dependendo do caso, o investimento pode valer muito a pena!

 

Prepare com cuidado a mala de mão

A mala de mão é um item essencial para uma viagem mais longa, mas cuidado para não deixá-la pesada demais ou de difícil manuseio na hora de procurar algo.

O que vale a pena levar: fones de ouvido, uma blusa de frio extra, uma meia de algodão bem levinha e que não te aperte, escova e pasta de dente, creme de mãos, hidratante labial e medicamentos de uso diário, como remédios básicos para dor, febre, problemas estomacais etc., além daqueles de uso regular, como para pressão, glicemia e alergias.

Outro item que vale a pena ser considerado é aquele famoso travesseiro de pescoço, ele pode te dar um conforto a mais na hora de dormir.

 

Escolha a roupa adequada

Escolha roupas confortáveis para sua viagem. Opte por leggings de algodão, peças bem soltinhas e sapatos que sejam fáceis de tirar e colocar.

Evite usar vestidos curtos, primeiro pelo frio, segundo, pelo inconveniente de ter que ficar cuidando se o vestido está no lugar certo enquanto você estiver sentada.

Meias de compressão também podem ajudar quem tem tendência a dor nas pernas por questões de circulação sanguínea.

Caso use lentes de contato, abra mão delas no dia de viajar e opte pelos óculos. Isso porque a alta exposição ao ar-condicionado pode causar irritação ou ressecá-las.

 

Movimente-se

O risco de trombose venosa profunda durante ou após longas viagens de avião é real e pode atingir pessoas de todas as idades. A imobilização prolongada das pernas pode fazer com que o sangue nas veias das pernas fique estagnado.

Por isso, é recomendado caminhar um pouco dentro do avião, fazer movimentos com os pés, se manter hidratado e utilizar roupas confortáveis. Se movimente pelo menos a cada 3 horas. Isso pode ajudar a evitar inchaço nas pernas, bem como dores ou desconfortos nas articulações.

Dependendo dos fatores de risco, utilize meias de compressão e consulte um médico para analisar a necessidade do uso de medicamento para afinar o sangue, especialmente se alguém na sua família já teve algum episódio de trombose.

É normal os pés incharem durante uma viagem longa de avião. Por isso, evite calçados apertados.

 

Faça as escolhas certas durante o voo: comida, hidratação e entretenimento

Se você tiver restrições alimentares ou gostar de cardápios específicos de comida, não deixe de avisar a companhia aérea com pelo menos 72 horas de antecedência ao voo. No geral, é bom evitar ovos, bacon, leguminosas e qualquer coisa que provoque incômodos ou gases. Nas refeições, a massa é sempre uma opção mais “segura” e fácil de digerir.

O ar dentro do avião é mais seco do que o normal, por conta da altitude e da pressurização da cabine. Por isso, é fundamental cuidar da hidratação do seu corpo, bebendo mais água do que o normal. Isso, também, vai ajudar a ir ao banheiro mais vezes e, consequentemente, a ter que levantar e se movimentar.

A maioria dos aviões oferece monitores individuais de entretenimento com filmes, séries, música e jogos. Mas o conteúdo pode não agradar a todos. Por isso, considere baixar no celular ou tablet alguns filmes e séries de sua preferência para assistir offline. E, claro, não se esqueça do carregador portátil para caso o avião não tenha tomadas. Livros impressos ou digitais também são uma boa pedida. Tudo que te ajude a relaxar e a pegar no sono.

 

Moderação com álcool e medicamentos

Vôos internacionais sempre têm vinho, mesmo na classe econômica. O vinho pode ajudar a relaxar, mas a dica é beber apenas uma taça! A altitude aumenta significativamente o impacto do álcool e de alguns medicamentos no seu organismo. Portanto, beba com moderação e evite tomar calmantes ou remédios que não esteja habituado sem orientação médica. Os efeitos podem ser maiores do que o esperado.

E então? O que achou das nossas dicas para voos de longa duração? São vários os cuidados que se deve ter quando passamos muitas horas a bordo de uma aeronave, não é mesmo? Mas, preparando-se com antecedência, é só relaxar e aproveitar quando estiver no avião! E aí, decidiu sua próxima viagem? Reserve já sua passagem e hotel com a 123Milhas!

Drones

inscreva-se para receber ofertas exclusivas!

inscreva-se para receber ofertas exclusivas!