Blog 123

O QUE A PANDEMIA PODE TRAZER DE BOM PARA QUEM VIAJA DE AVIÃO

O que a pandemia pode trazer de bom para quem viaja de avião

Há sete meses convivemos com a pandemia de maior impacto global da história da humanidade. E, “a esta altura do campeonato”, já estamos escolados sobre o poder transformador da Covid-19 em nossas vidas. Um dos abalos mais visíveis foi e ainda é sobre a aviação comercial. Mas, como podemos tirar uma lição de tudo, até mesmo das tragédias, o surgimento do novo coronavírus pode fazer com que as viagens de avião na era pós-Covid sejam mais seguras à saúde dos passageiros, caso as regras do “novo normal” sejam eternizadas. Neste post, veja o que a pandemia pode trazer de bom para quem viaja de avião.

#1 No aeroporto, só quem vai viajar

Nos aeroportos de todo o mundo, agora só entra quem vai viajar e é preciso mostrar o cartão de embarque nos acessos aos terminais. A medida foi adotada para evitar aglomerações e deve ser mantida. Sendo assim, não será mais possível ver aquelas cenas de grupos enormes recebendo ou se despedindo de alguém. O objetivo é que os terminais fiquem mais vazios, com mais espaço para sentar, menos filas nos banheiros, nos cafés… e mais segurança para todos.

#2 Um metro e meio de separação

Já não é mais possível ficar a poucos centímetros de quem está à sua frente em qualquer fila dentro de aeroportos mundo afora. Agora, há marcas no chão que obrigam cada um a ficar a um metro e meio de distância. Na Austrália, e em outros países extremamente civilizados, a distância padrão sempre foi daí para mais. Com o “novo normal”, agora existe uma boa chance de que as filas nos aeroportos do resto do mundo guardem sempre essa distância de segurança.

#3 Embarque civilizado

Não se sabe exatamente por que, mas em alguns países, principalmente no Brasil, era comum que filas se formassem nos portões mesmo horas antes de um voo receber o chamado para embarque. Muitas vezes, esse comportamento provocava uma fila gigantesca e estática em frente ao portão, que atravancava o movimento no terminal e gerava as temidas aglomerações. Agora, os funcionários das companhias aéreas fazem de tudo para colocar ordem no pedaço, garantindo que o acesso ao avião por turnos (que já existia, mas não funcionava direito) seja realmente respeitado e que os passageiros esperem a vez de entrar na aeronave sentados ou, pelo menos, não embolados na frente do portão. 

#4 Desembarque idem

Felizmente, a pandemia pôs fim ao pior hábito que poderia ter sido criado por quem viaja de avião: as longas filas formadas logo que a aeronave pousava (às vezes, com ela ainda taxiando). Agora, para sair do avião, é preciso respeitar a ordem natural das coisas: esperar que os que estão sentados nas filas à sua frente se levantem e comecem a andar para, só então, se levantar e fazer o mesmo. 

#5 Uso de máscara no avião

Apesar de incômodo por longos períodos, está mais do que comprovado o benefício do uso da máscara para o controle da disseminação de vírus respiratórios. Dentro de ambientes fechados como a cabine de um avião, então, as máscaras de proteção tornam o ambiente bem menos insalubre, o que é um alívio para nossos sistemas imunológicos. Um hábito que, tomara, veio para ficar!

E você? Concorda com esses cinco benefícios? Tem mais alguma sugestão de o que a pandemia pode trazer de bom para quem viaja de avião? Deixe sua opinião nos comentários! E, quando for viajar, compre seus voos com até 50% de desconto aqui, na 123Milhas!

Gostou? Compartilhe:

Comentários