Bonito

Bonito

Conhecida pelas belas paisagens naturais, Bonito é uma das cidades mais encantadoras do Centro-Oeste brasileiro. Localizado no Mato Grosso do Sul, o destino é ideal para viajantes que procuram maior contato com o meio ambiente, seja em busca de trilhas, rios ou cachoeiras. O Conexão123 preparou um guia completo para o turismo em Bonito. Vamos viajar?



 

Você vai ler sobre

 


Conheça Bonito

Bonito (MS) é um município situado na região da Serra da Bodoquena, ao sul do Pantanal Brasileiro. A cidade turística, que fica a cerca de 300 km de Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, é famosa pelos rios e nascentes em tons azuis, que encantam os visitantes e tornam a viagem ao local ainda mais surpreendente. 

A história da região está ligada à criação de um núcleo habitacional na Fazenda Rincão Bonito, nome da propriedade que pertencia à cidade de Miranda, na época. A aquisição das terras foi realizada pelo Capitão Luiz da Costa Leite Falcão, em 1869, considerado o desbravador de Bonito. 

Alguns anos depois, a partir da Lei Estadual n° 693, de 11 de junho de 1915, foi fundado o Distrito de Paz de Bonito, como área desmembrada da cidade de Miranda. Em 1948, o território elevou-se à categoria de município e, mais tarde, em 1977, passou a fazer parte do estado de Mato Grosso do Sul. 

O recanto turístico tem extensão territorial de aproximadamente 5.370 km² e concentra cerca de 22.400 habitantes, segundo estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). Outra curiosidade regional é que quem nasce por lá é chamado de bonitense, gentílico de um povo que convive diariamente com o bioma brasileiro do Cerrado. 

Com base econômica firmada no turismo, além da pecuária, agricultura e mineração de calcário, o destino é procurado constantemente por viajantes nacionais e internacionais pelo cenário exuberante da flora da Serra da Bodoquena.  

O turismo em Bonito reserva grutas, matas, cachoeiras, nascentes de águas límpidas ricas em calcário, entre outros atrativos exuberantes. Convenhamos que com tantas belezas naturais, Bonito não poderia ter um nome mais autoexplicativo.

Turismo em Bonito: Guia de Viagem | Rio em Bonito | Conexão123

A atividade turística de flutuação nos rios de Bonito é bastante buscada pelos viajantes

 

Turismo em Bonito

Alguns dos melhores points do ecoturismo e do turismo de aventura no Brasil estão localizados no Mato Grosso do Sul. A viagem para Bonito agrega banhos de cachoeiras, exploração de cavernas, flutuação e mergulho nas águas transparentes.

Antes de embarcar para uma experiência turística enriquecedora, vamos apresentar alguns atrativos que valem a pena conhecer e apreciar na região. Afinal, visitar o município sul-mato-grossense é experienciar momentos únicos em pleno contato com a natureza. 

Por lá, as atrações contribuem com a preservação ambiental. Por isso, o número de visitantes é controlado pela prefeitura e pelas agências de viagem. Além disso, os viajantes precisam seguir algumas recomendações de segurança. Durante sua estada, fique atento às orientações. 

Dentre as inúmeras possibilidades de passeios, estão os rios regionais, que são cristalinos e repletos de peixes. Portanto, mergulhar é sentir-se em um aquário. Demais, né?! 

Mas você sabe o motivo da transparência das águas? O segredo está na grande concentração de calcário, que tem a propriedade de calcificar qualquer sólido. Mais denso, o resíduo vai parar no fundo dos rios e deixa a água bem clarinha. 

Separamos três lugares para você incluir em seu roteiro e se divertir em família, a sós, a dois ou entre amigos. 

  • Rio Sucuri: é possível observar a vida aquática com snorkel por meio da flutuação acompanhada de um guia local. O ambiente está a aproximadamente 18 km do centro da cidade (Rodovia Bonito Zona Rural) e fecha aos sábados. O valor do ingresso adulto na baixa temporada em 2022 é de R$ 231, mas pode sofrer alterações. Para mais informações sobre valores, consulte no site oficial;
  • Gruta do Lago Azul: uma das principais atrações do município, é composta por uma caverna com um lago de coloração azulada de 90 m de profundidade. Para visitar, é necessário pagar R$ 90 (baixa temporada) e R$ 130 (alta temporada), por pessoa. Anote o endereço: Rodovia Frida Garzella dos Santos, km 20 Rural. O ponto turístico funciona diariamente, das 7h às 14h;
  • Parque das Cachoeiras: ao todo, sete quedas d’água reservam beleza aos turistas. Além disso, durante os percursos até as cachoeiras, o visitante pode ver de perto a paisagem característica da Serra da Bodoquena. Todos os dias, das 8h às 17h, o complexo abre ao público. O preço para a alta temporada de 2022 é de R$ 189 (por adulto). O espaço está localizado na Rodovia MS 178. 

As opções são variadas e contemplam o estilo de cada turista. Se você está planejando viajar para o destino, saiba mais sobre o que fazer em Bonito: pontos turísticos e passeios com o roteiro completo do Conexão123. 

Turismo em Bonito: Guia de Viagem | Gruta do Lago Azul | Conexão123

A Gruta do Lago Azul é procurada pelos turistas pelas belezas naturais e garantia de registros surpreendentes

 

Quando ir para Bonito

Poderíamos dizer que o turismo em Bonito é ideal para qualquer época do ano. O clima da região é tropical, e a média anual de temperaturas é de 25ºC. 

Aliás, o destino é cada vez mais buscado durante o inverno, apesar da principal atração ser o mergulho nas águas claras dos rios e piscinas naturais. O real motivo é que nos meses de junho, julho e agosto o clima é seco, com poucas chuvas, mesmo que a temperatura fique mais baixa. Além disso, a estação pode concentrar preços mais em conta, justamente por ser a época da baixa temporada na cidade. 

Outro bom período para a visita é de setembro a novembro, momento em que o turista também encontra poucas chuvas, mas muita beleza nas flutuações pelos rios. 

Já os meses de maior procura são dezembro, janeiro e fevereiro, quando as águas das cachoeiras ficam mais quentes e o clima mais agradável. 

Por fim, porém não menos importante, abril e maio são indicados para visitar o município. A temperatura está mais amena e, além de não fazer nem muito calor nem muito frio, a chance de chover é menor. 

Portanto, quando for arrumar as malas para embarcar, coloque alguns itens essenciais:

  • Roupas: camisetas, blusas leves, bermudas ou shorts e calças confortáveis, em alguns casos;
  • Calçados: chinelo e tênis confortável;
  • Itens de banho: biquíni, maiô e sunga;
  • Cuidados pessoais: protetor solar, cremes pós-sol, escova e pasta de dente, entre outros.

 

Como chegar em Bonito

A maneira mais prática de chegar em Bonito é de avião, principalmente aos turistas oriundos de outros estados. 

Os aeroportos mais próximos ao destino são o de Campo Grande (cerca de 300 km de distância), e o da cidade, que está aproximadamente a 14 km da região central. Após o desembarque, o viajante pode seguir de transfer, táxi, veículo de aplicativo ou contar com aluguel de carros

Pelas estradas nacionais, saindo da capital de Mato Grosso do Sul, o trecho pode ser percorrido através das rodovias BR-060/419 ou MS-345 e BR-262. A viagem para Bonito (MS) tem duração aproximada de 3h40. Já de Cuiabá, cidade do Mato Grosso, estado vizinho, são mais de mil quilômetros e o caminho é feito pela BR-163. 

Mais uma alternativa é optar pelos ônibus interestaduais. O percurso de Campo Grande até Bonito dura em média 5 horas. A rodoviária do município está em uma área central, próxima a lojas e restaurantes. 

Já em solo bonitense, existem quatro modos de se locomover, são eles: carro, transporte compartilhado, táxi e transporte privativo. Depois, é só curtir cada experiência incrível que a cidade oferece aos visitantes. 

Turismo em Bonito: Guia de Viagem | Rio em Bonito | Conexão123

Os rios de Bonito são cristalinos e encantadores

 

Quanto custa viajar para Bonito

Visitar esse paraíso em meio à natureza é colecionar lembranças inesquecíveis. O custo para viajar para Bonito vai depender de alguns pontos importantes, entre eles alimentação, passagens aéreas e passeios, além da escolha de onde se hospedar em Bonito: hotéis e pousadas.

O preço da tarifa aérea (ida e volta) depende do local de partida do viajante. Saindo do estado de São Paulo, é possível encontrar voos a partir de R$ 2.250. Voando de Cuiabá sentido capital sul-mato-grossense, o valor está a partir de R$ 953 (por passageiro). Vale ressaltar que o custo equivale para viajar fora da alta temporada e com pesquisa realizada com antecedência para voos com escalas.

Aproveite para conhecer também lugares para comer em Bonito: melhores restaurantes e incluir as opções em seu roteiro turístico. 

 

Pacotes de turismo para Bonito

Outra opção para facilitar sua viagem para Bonito é garantir as passagens aéreas e a hospedagem em um só clique com os pacotes de viagem. Além de ser uma alternativa que ajuda a economizar durante seu planejamento turístico. 

Partindo de SP, o preço fica a partir de R$ 2.800 por turista. Saindo da capital mato-grossense, o valor por pessoa começa em R$ 4.980 (por hóspede). 

Vale lembrar que as pesquisas referem-se a três diárias com café da manhã e tarifa aérea ida e volta. Além disso, as pesquisas foram feitas com antecedência para viagens em baixa temporada. 

O guia turístico para Bonito do Conexão123 reuniu a história, curiosidades, passeios, entre outros aspectos que compõem o percurso pelo destino. 

Agora é o momento de viajar! Para isso, conte com a 123milhas para garantir os melhores valores e desfrute de dias de lazer. 

RESPOSTAS123

O turismo em Bonito pode ser ideal para qualquer época do ano. O clima da região é tropical e a média anual de temperaturas é de 25ºC. Mas os meses de maior procura são dezembro, janeiro e fevereiro, quando as águas das cachoeiras ficam mais quentes e o clima mais agradável.

O custo total da viagem para Bonito vai depender de alguns fatores, como hospedagem, alimentação, passeios, entre outros. Porém o preço da tarifa aérea (ida e volta), de São Paulo para o Bonito, fica em cerca de R$ 2.690 (por turista) com escala.

  • Flutuação no Rio Sucuri
  • Gruta do Lago Azul
  • Parque das Cachoeiras